sexta-feira, 14 de maio de 2010

RECURSOS MINERAIS




MINERAL é um elemento ou composto químico resultante de processos inorgânicos e de composição química definida , encontrado naturalmente na crosta terrestre.
RECURSO MINERAL : é um termo que aponta a presença de substâncias sólidas, líquidas e gasosas, com ocorrência natural, sobre ou sob a crosta terrestre, com forma e quantidade em condições de viabilizar sua exploração econômica.

PROPRIEDADES DO MINERAIS :
www.ebah.com.br


Recursos Minerais do Brasil

"Minerar, sim, pois os bens minerais são essenciais à qualidade de vida almejada pela humanidade e à sua própria sobrevivência: mas fazê-lo com permanente atenção e todo o cuidado no que diz respeito ao meio ambiente." O Brasil é um país privilegiado em recursos minerais.
Alguns são abundantes (minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita); outros são mais escassos (cobre, prata, urânio, chumbo).
No conjunto, dispõe de uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).



Minerais metálicos: São recursos naturais não renováveis, isto é, que não podem ser repostos pela natureza. Os principais minerais metálicos encontrados no Brasil são o minério de ferro, a bauxita, o manganês, a cassiterita, o ouro, o nióbio, a prata e o cobre. Esse tipo de mineral está associado às estruturas geológicas antigas ou escudos cristalinos.












O Brasil possui 36% de sua superfície constituída por escudos cristalinos, no entanto os minerais metálicos estão presentes somente em cerca de 4% desses terrenos que se formaram na Era Proterozoica e onde predominam rochas metamórficas.


LISTA DE MINÉRIOS E PRODUÇÃO:
MINÉRIO DE FERRO: Quadrilátero Ferrífero ou Central ( Minas Gerais )
MANGANÊS : Serra dos Carajás ( Pará )
BAUXITA : Rio Trombetas, afluente do rio Amazonas ( Oriximiná- Pará )
CASSITERITA : Rondônia
COBRE : Bahia e Rio Grande do Sul
PRATA : Minas Gerais e Pará
URÂNIO : Bahia, Ceará, Paraná e Minas Gerais
CHUMBO : Minas Gerais e Tocantins
OURO : Minas Gerais e Pará ( Serra Pelada)
ESTANHO : Amazonas, Rondônia e Pará
NIÓBIO : Minas Gerais
NÍQUEL : Goiás
 Minério de ferro: está entre os cinco principais itens exportados pelo Brasil, e é o mineral mais explorado. O minério de ferro bruto (hematita, itabirita, magnetita, pirita) possui grande importância econômica mundial porque é a matéria-prima básica do aço (liga) utilizado nas estruturas de indústrias, edifícios, hotéis, estádios, aeroportos, pontes e shoppings, etc, além de inúmeros outros usos.



Os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas. A maior parte da produção é exportada para os Estados Unidos, Japão e União Europeia. Principais áreas produtoras Quadrilátero Ferrífero Central (MG). Localizado entre os municípios de Belo Horizonte, Mariana, Santa Bárbara e Congonhas do Campo, o Quadrilátero Ferrífero é responsável por aproximadamente 80% da produção nacional; 60 a 70% do minério de ferro produzido nessa área é destinado à exportação.
































 Companhia Vale do Rio Doce, foi privatizada em 1997, hoje VALE, é a maior exploradora de minério de ferro no Brasil e está entre os maiores exportadores do mundo. É proprietária de jazidas de ferro e outros minerais do Quadrilátero Ferrífero e da Serra dos Carajás. A parte que não é exportada é utilizada nos complexos siderúrgicos da região Sudeste (Companhia Siderúrgica Nacional - CSN, em Volta Redonda, RJ; Companhia Siderúrgica Paulista - Cosipa, em Cubatão, SP; e na Usiminas, em MG). O minério de ferro exportado é transportado pela Estrada de Ferro Vitória-Minas, que liga o Quadrilátero ao porto de Tubarão, em Vitória, Espírito Santo, e pela Estrada de Ferro Central do Brasil, que liga o Quadrilátero ao porto de Sepetiba, no Rio de Janeiro.

Serra dos Carajás (PA)
Localizada no Sudeste do Pará. Possui a maior reserva mundial de minério de ferro do mundo e é a segunda principal área produtora do país.
A exploração desse e de outros minérios faz parte das estratégias do Projeto Grande Carajás. A produção dessa área está voltada para o consumo externo (Japão) e é transportada pela Estrada de Ferro Carajás. Inaugurada em 1985, essa ferrovia, que tem 890 km de extensão, liga a serra dos Carajás ao porto de Itaqui, na Ponta da Madeira, em São Luís, no Maranhão.


Estrada de ferro Carajás


A Companhia Vale do Rio Doce ( hoje só Vale) é a principal empresa mineradora que explora esse local, entre outras transnacionais. 
O Brasil é o segundo maior produtor de minério de ferro. O Brasil encontra-se entre os maiores produtores e as maiores reservas mundiais de bauxita.


Minério de manganês, assim como o minério de ferro, o manganês é o elemento básico para a produção do aço , de fundamental importância para a indústria siderúrgica porque age como desoxidante e dessulfurante.
A região Norte, concentra mais da metade da produção nacional de manganês e exporta a maior parte. As maiores reservas estão na serra dos Carajás (PA), no Quadrilátero Ferrífero (MG) e no maciço do Urucum (MS). A maior produção ocorre no Amapá (cerca de 60% do total produzido no país), mas as reservas localizadas na serra do Navio, nesse estado, estão praticamente esgotadas. Mais uma vez o Brasil está entre as maiores produções mundiais.
BAUXITA: é extraído o alumínio, metal muito importante por ser utilizado na fabricação de carros, aviões, portas, janelas, panelas, etc. É um grande condutor de eletricidade e anticorrosivo. A principal e maior jazida nacional encontra-se no vale do rio Trombetas, afluente do rio Amazonas, em Oriximiná, no Pará. A maior parte da bauxita extraída no país é exportada para o Canadá e a menor parcela é destinada ao mercado interno. BAUXITA- RIO TROMBETAS

A Companhia Vale do Rio do Norte (CMRN) é a maior empresa mineral exploradora da bauxita (explora mais de 70% do total) e é a maior produtora mundial particular de bauxita. A maior acionista da CMRN é a Companhia Vale do Rio Doce. Além dela, vários grupos estrangeiros também têm participação: Alcoa (EUA) e Sheiï (Holanda e Inglaterra ) USINA DE TUCURUÍ

A usina hidrelétrica de Tucuruí, no rio Tocantins (Pará), fornece energia elétrica para a transformação do minério da bauxita em alumínio. A grande quantidade de bauxita, aliada ao fornecimento de energia elétrica por Tucuruí, gerou o Projeto Aibras-Alunorte. Controlado por grupos privados nacionais e internacionais, esse projeto de produção do alumínio, desenvolvido em Bacarena (Pará), visa abastecer o mercado externo. O grupo norte-americano Alcoa é majoritário na composição acionária do Projeto Alumar, que apresenta características semelhantes ao projeto Aibras.


OURO SERRA PELADA - PARÁCASSITERITA: Do minério da cassiterita é extraído o estanho. Mais uma vez o Brasil está entre os principais produtores mundiais.
OURO : O Brasil está entre os principais produtores mundiais (África do Sul, Estados Unidos, Austrália, Canadá, China, Rússia, Usbesquistão e Brasil, respectivamente) e entre os que têm as maiores reservas mundiais (África do Sul, Estados Unidos, Austrália, Canadá, China, Rússia, Usbesquistão e Brasil, respectivamente). Minas Gerais é o maior produtor nacional. MACIÇO DE URUCUM

O OURO : é utilizado em jóias, tratamento dentário, em muitos setores industriais. A busca desse recurso mineral foi um dos fundamentos da economia mercantilista colonial brasileira (séculos XVII e XVIII).
NIÓBIO : É um metal utilizado na composição de ligas metálicas empregadas na fabricação de fios supercondutores, turbinas de aviões, entre outros usos. O Brasil é responsável por mais de 90% da produção mundial desse mineral. A maior reserva está em Minas Gerais, próximo à cidade de Araxá. A parte que não é utilizada internamente é exportada para o Japão, para a América do Norte e para a União Européia. O Brasil fornece o principal produto industrializado ligado a esse mineral: o ferro-nióbio .

OUTROS MINERAIS
O Brasil ainda produz:
chumbo: (extraído da galena, em Minas Gerais e Tocantins);
cobre:
(condutor elétrico explorado na Bahia e no Rio Grande do Sul);
níquel: (extraído da guamierita em Goiás) e tungsténio (extraído daxilita no Rio Grande do Norte);
estanho: muito utilizado em liga com chumbo para realizar a solda usada na eletrônica, em objetos de decoração e é muito resistente à oxidação. O estado do Amazonas é o principal produtor nacional, seguido dos estados do Amazonas e do Pará. O estado de São Paulo é o maior consumidor interno; a Argentina e os Estados Unidos são nossos maiores importadores.


Minerais não metálicos
Nossos principais recursos minerais não metálicos são: sal de cozinha, calcário e alguns minerais radioativos.
O Brasil ocupa o nono lugar entre os maiores produtores mundiais de sal de cozinha. Os estados do Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Rio de Janeiro são, respectivamente, os maiores produtores nacionais de sal. O porto de Areia Branca, no Rio Grande do Norte, é o principal terminal exportador de sal do Brasil.


Calcário: É uma rocha sedimentar constituída principalmente de carbonato de cálcio. E usado na fabricação de cimento, cal, vidro e também como mármore (processo de metamorfismo). O Brasil possui calcário em abundância. Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Bahia (bacia do rio São Francisco) são seus maiores produtores.

Minerais radioativos
O Brasil explora, entre outros, urânio e tório, dois minerais radioativos usados na produção de energia nuclear.
O URÂNIO: hoje escasso, é encontrado em Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero e Poços de Caldas) e no Ceará. Recentemente, foi localizada no Pará uma grande reserva de urânio, na região da cidade de Santarém. Calcula-se que seja a maior do mundo
TÓRIO : (Importante combustível de reatores nucleares), também escasso, é encontrado principalmente no Espírito Santo e no Rio de Janeiro.

APÓS A LEITURA DO TEXTO E DAS INFORMAÇÕES DO VÍDEO RESOLVA OS QUESTIONAMENTOS :
1-O que representa para o Brasil o Grande Projeto Carajás? Quando foi criado?
2- Quais os principais destinos do minério de ferro extraído do Quadrilátero Central ? E quais as duas vias de escoamento?
3- Localize os estados e as principais jazidas minerais do Brasil:
4-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
5- Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil?
6-- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?

7-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais ?
8- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
b)Mercado ilegal dos diamantes.

68 comentários:

Fernando disse...

Muito bom! Tive de fazer um trabalho sobre Mineradoras no Brasil, e me ajudou muito.

Anônimo disse...

Achei muito legal saber sobre as arma biologicas

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
roberta disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Giulia 13 disse...

1- As maiores reservas minerais do Brasil, que estão entre as maiores do mundo, são:
-Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais)-dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
-Província Mineral de Carajás (Pará)–são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.

2- Ferro, ouro, prata, níquel, bauxita, cromo, manganês, cobre, zinco, tungstênio e estanho.

3- A construção da segunda etapa da usina elevou a capacidade final instalada para cerca de 8.000 MW, em meados de 2007. É importante ressaltar que a construção da barragem interrompeu o curso da Hidrovia Araguaia-Tocantins, um trecho vital para o escoamento da produção do Centro-Oeste do Brasil. O desnível deve ser vencido pelas Eclusas de Tucuruí cuja construção foi iniciada em 1981 e por falta de recursos encontra-se ainda incompleta. Acredita-se que com a inclusão da obra no PAC (Programa de Aceleração de Crescimento) sua conclusão se dê até 2012, criando uma alternativa para o transporte de produtos até o Porto de Vila do Conde.
Muitos acreditam que essa usina pode prejudicar o meio-ambiente e causar danos à fauna e flora do local.

4- alguns estudiosos fazem previsões muito preocupantes a cerca dos recursos minerais não apenas no Brasil como no mundo, o principal deles é a água, que como sabemos, não é renovável.
Daí a importancia de se proteger o meio ambiente, a fim de preservar esses recursos para que eles durem mais.
No Brasil, dizem que alguns minérios poderão entrar em escassez em alguns anos, sem contar as espécies vivas sumindo.

5- O Brasil sofre com os rescursos minerais pois vários países de fora, como os EUA, e Japão, China, etc, querem usufruir de seus recursos minerais. A extração dos recursos minerais traz muita desgraça também, pois desmata muitas florestas e pode afetar áreas indígenas e poluir o ar e a Terra. Com tanta exploração, um dia isso vai acabar, não é mesmo?

6-
Esses recursos podem afetar o ar que respiramos e desmatar.
Os recursos Minerais podem ser divididos em 2: Metálicos e Nã0-Metálicos.
Podem ser utilizados na produçao de jóias, como os diamantes e o ouro, ou na produçao de combustível e no asfalto.
No filme Diamante de Sangue, o homem conta que ele ultrapassa a fronteira ilegalmente e entrega os diamantes a um vendeor do outro país, que paga a alfândega para se certificar que os diamantes podem ser vendidos legalmente. Os diamantes são exportados e chegam até a Índia, onde o ilegal se mistura com o que é legal, e vai parar em uma empresa.
Tendo controle dos minérios, tem-se controle do mercado, de toda a parte finaceira que atinge o mundo.

Giulia Werner Dutra - número 13 - 9o ano C
16/05/11.

Anônimo disse...

Renan - 9C - 33

1- Se concentram pricipalmente no Norte(principalmente Pará) e no sudeste

2- Petróleo;Carvão;Alumínio;Ferro;Ouro; Diamante;Cobre;Estanho;Manganês;Sal marinho;Calçario(está do mais importante para o menos)

3- Pois os países estrangeiros podem se entrometer nessa usina que na verdade é so brasileira.

4- O Brasil está muito bem em relaçao ao mundo já que é um dos principais produtores de minerais

5- A exploração desses recursos, o Brasil é obrigado a deixar países estrangeiros a explorar esses recursos pela falta de capital

6- A extração dos recursos minerais leva ao desmatamento ambiental e social. Para a extração é necessário a desmatação de árvores e plantas. É um processo de degradação. A invasão as terras indígenas é muito comum e a invasão de terras particulares também. Também há infelizmente um mercado ilegal de diamantes e como aparece naquele pequeno trecho dentro do vídeo tudo é planejado e sempre há uma farsa por trás dos planos.

Anônimo disse...

matheus 9ºC n:26

1- As reservas minerais estão espalhadas pelo pais inteiro com excessão da amazonia que possui poucas reservas, mas todo o nordeste do pais tem uma grande area de minério.
2- ferro, nóbio, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco, potássio...
3-alagamento das áreas vizinhas, aumento no nível dos rios, mudar o curso do rio represado, podendo, ou não, prejudicar a fauna e a flora da região.
4-Está muito bem em relação À outros países, superando e atraindo muitos investidores do exterior.
5-Eles emitem muita quantidade de gás, causando assim o aquecimento global.
6-O extrativismo de recursos minerais é muito bom para a economia brasileira, mas para população nem tanto, além de causar muitos problemas ambientais com o desmatamento, destruição, o propri extrativismo polui.
No filme passa um trexo de um filme sobre o mercado ilegal de diamantes, após falar sobre outras coisas ele praticamente diz que está venda ilegal financia a guerra, talvez não seja bem assim atualmente, mas pode estar nos prejudicando de outro modo,por exemplo na pirataria e outros do tipo.

Anônimo disse...

Olá profª! Ótima postagem! Segue em baixo as respostas das perguntas.

1. Nos estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás).
2. Minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita, ouro e nióbio
3. Porque ela causa muitos impactos ambientais e sociais. Ambientais, pois já desmatou uma área de aproximadamente 3.007 km², e sociais, pois desabrigou muita gente, violando seus direitos e não cumprindo deveres como indenização de pessoas atingidas.
4. Tem muitos recursos, porém é também muito explorado, e há muita ilegalidade prejudicando esse ramo.
5. O Brasil apresenta um território com recursos minerais bem diversificados, porem não são bem aproveitados devido a falta de conhecimento de nossas reservas e também pouco recursos financeiros para exploração, causando desta forma danos para o meio ambiente e para sociedade. A falta de dinheiro nos aproxima de grupos estrangeiros.
6.
a) A exploração mineral causa um grande risco ambiental e mineral, pois resulta em um processo de desmatamento e destruição de muitas áreas da natureza, além de causar muitas vezes invasão em terras indígenas, terras particulares e exploração de trabalhadores. Os recursos minerais podem ser classificados em metálicos e não-metálicos.

b) Que pedras "sujas" são levadas ilegalmente a um lugar onde se misturam com pedras "limpas", e a maioria das pedras de boa qualidade são compradas pela líder de venda de pedras e são guardadas em um cofre mantendo o preço das pedras alto no mercado.

Mariana Sedrez 9°C n°25.

Daniela disse...

Professora Conceição, segue abaixo respostas sobre Recursos Minerais (primeira parte):

1- Quais são as áreas no Brasil, onde se encontram as maiores reservas minerais?

• Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.

• Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.
O projeto Grande Carajás engloba uma das maiores áreas de exploração de minérios do mundo e está ligado às atividades da Vale, que é a maior mineradora de ferro do mundo.
Além da maior reserva de minério de alto teor de ferro do mundo, são explorados manganês, cobre, níquel, ouro, bauxita e cassiterita.

2- Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?

• Minério de Ferro : Principais áreas produtoras de minério de ferro estão localizadas no Quadrilátero Ferrífero Central (MG), responsável por aproximadamente 80% da produção nacional. Também a Serra dos Carajás (PA), localizada no Sudeste do Pará, possui a maior reserva mundial de minério de ferro do mundo e é a segunda principal área produtora do país.

• Manganês : As maiores reservas estão na serra dos Carajás (PA), no Quadrilátero Ferrífero (MG) e no maciço do Urucum (MS). A maior produção ocorre no Amapá (cerca de 60% do total produzido no país). Mais uma vez o Brasil está entre as maiores produções mundiais.

• Bauxita : A principal e maior jazida nacional encontra-se no vale do rio Trombetas, afluente do rio Amazonas, em Oriximiná, no Pará. A Companhia Vale do Rio do Norte (CMRN) é a maior produtora mundial particular de bauxita.

• Cassiteríta: Do minério da cassiterita é extraído o estanho. Mais uma vez o Brasil está entre os principais produtores mundiais. Atualmente, a produção brasileira de cassiterita concentra-se nos estados de Rondônia, Amazonas e Pará.

• Ouro : O Brasil está entre os principais produtores mundiais e entre os que têm as maiores reservas mundiais. Minas Gerais é o maior produtor nacional.

• Nióbio : O Brasil é responsável por mais de 90% da produção mundial desse mineral. A maior reserva está em Minas Gerais, próximo à cidade de Araxá.
Minerais radioativos

• Urânio : hoje escasso, é encontrado em Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero e Poços de Caldas) e no Ceará. Recentemente, foi localizada no Pará uma grande reserva de urânio, na região da cidade de Santarém. Calcula-se que seja a maior do mundo

• Tório : (Importante combustível de reatores nucleares), também escasso, é encontrado principalmente no Espírito Santo e no Rio de Janeiro.

Daniela Diniz
nº05 9ºC

Anônimo disse...

Fala Ceiça! Estão aí as respostas:

1- As maiores e principais reservas se encontram no Quadrilátero Ferrífero (MG) e na Serra dos Carajás (PA).

2- Manganês, bauxita, cassiteríta, ouro, nióbio, cobre, chumbo e estanho.

3- Pois o projeto visa abastecer o mercado externo.

4- O Brasil possui muitas das maiores reservas minerais do mundo. Estaremos muito bem até essas fontes se tornarem escassas.

5- O maior problema é que as fontes estão concentradas, dando lucro maior para certas regiões.

6- a)O vídeo mostra alguns males causados pela extração do minério, como desmatamento, poluição de ecossistemas e etc.
b)O mercado ilegal se baseia na lei da oferta de da procura: enquanto o item for raro, o preço estara mais elevado.

Pedro - Nº30 - 9ºC

Anônimo disse...

Achei muito interessante a parte que cita os tipos de recursos naturais: Renováveis e não-renováveis...

Anônimo disse...

1- O Quadrilátero Ferrífero é responsável por quase 80% da produção de minério do país; E uma boa parte do minério de ferro produzido na região é para à exportação. Ele é localizado nas cidades de Belo Horizonte, Mariana, Santa Bárbara e Congonhas do Campo. A Serra dos Carajás possui a maior reserva mundial de minério de ferro do mundo e é a segunda principal área produtora do país. A produção dessa área está voltada para o consumo de outros países (tendo como principal Japão), transportada através da Estrada de Ferro Carajás (que liga a serra dos Carajás ao Maranhão).

2- Bauxita (fabricação de carros, aviões, portas, etc); Ouro (fabricação de jóias, tratamento dentário, etc); Minério de Manganês (para a indústria siderúrgica); Nióbio (fabricação de fios supercondutores, turbinas de aviões, etc); Estanho (utilizado em liga com chumbo para realizar a solda usada na eletrônica, em objetos de decoração); Chumbo (remédios, proteção de raio-x); Cobre (condutor elétrico); Calcário (usado na fabricação de cimento, cal, vidro, etc); Urânio e Tório (combustível de reatores nucleares).

3- A usina hidrelétrica de Tucuruí é alvo de críticas e muitos debates envolvendo o governo e a população que mora no local. O governo defende a importância da construção da usina para o desenvolvimento do Brasil, dizendo que a hidrelétrica vai gerar a energia necessária para dar continuidade ao processo de industrialização do país e manter um elevado ritmo de crescimento econômico. Por outro lado, a população diz que vários impactos são previstos com a redução dos níveis da água do rio Xingu como extinção local de espécies, escassez da pesca, aumento de pressão fundiária e de desmatamento, etc. A usina também foi criticada com a privatização, pois indústrias internacionais não se preocupam com os impactos e enquanto as nacionais lutam para reduzir os desastres.

Continua no próximo comentário...

Victor 9ºC nº35

Anônimo disse...

Continuação do Comentário...

4- O Brasil é um país muito rico em recursos minerais. Alguns em grande quantidade (minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita); outros nem tanto (cobre, prata, urânio, chumbo). Em geral, é captada uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o grande problema é que o aproveitamento dos recursos minerais é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. Com a falta de capital, muitos grupos estabelecidos pelo governo para extrair os minerais estão sendo privatizados (vendidos) para grupos de países estrangeiros e os recursos – cujo pertenciam a nós – acabam sendo um benefício internacional.

5- A exploração de minerais no Brasil vem enfrentando um grande problema: A privatização de empresas que captam os minerais. Podemos pegar como exemplo a Companhia Vale do Rio Doce, que foi privatizada em 1997, atualmente é a maior exploradora de minério de ferro no Brasil e está entre os maiores exportadores do mundo. Toda essa grande exploração e todos os recursos estão beneficiando países estrangeiros. Os grupos Shell (Inglaterra e Holanda) e Alcoa (Estados Unidos) também participam ativamente da exploração de minerais brasileiros.

6-
a) Os recursos minerais são substâncias naturais inorgânicas, que foram descobertas a partir do século XVII. Apesar de trazer auxilio na economia brasileira, causa um grande impacto ambiental e social, pois resultam num processo de desmatamento, destruição e contaminação de ecos-sistemas. Além de agredir a sociedade com invasões em reservas indígenas, terras particulares e exploração ao trabalhador.

b) Na Serra Leoa, um grupo de exploradores atravessa a fronteira e os compradores locais levam diamantes até a Monróvia (Libéria). Lá, eles pagam a alfândega para confirmarem que os diamantes foram extraídos no local, assim podem ser exportados legalmente. Chegando aos compradores, eles classificam não fazendo muitas perguntas. Já na Índia, as pedras ilegais se misturam com outras e irá parecer uma pedra exportada legalmente. Os donos controlam a oferta mantendo uma grande procura, os diamantes são colocados fora do mercado para que o preço continue alto. Sendo assim, eles não financiam a luta pelo diamante e sim pagam para ela existir, para eles possuírem o controle do mercado.

Victor 9ºC nº35

Separei em dois comentários, pois estava dando limite de carácters. Espero que compreenda.

Anônimo disse...

1- O estado de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e no Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas.

2- Os mais importantes minerais extraídos no Brasil são o ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco e o potássio.

3- Pois com a construção da usina de Tucuruí faz impactos socioambiental causado pelo aumento da exploração do meio vem crescendo dia após dia, é conseqüência pelo aumento da necessidade de energia trazido pelo progresso tecnológico.

4- O Brasil tem uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o uso e aproveitamento desses recursos é prejudicado, por que existe falta conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros.

5-Falta de conhecimento nas reservas e isso faz com que tenha poucas extrações, e falta do capital para comprar esses recursos.

6- a)Extração mineral pode ser um auxilio para a econômia,mas ela causa um grande risco ambiental, por que desmata, destroi e contamina as areas exploradas. Invade propriedades indiginas e terras particulares e tambem existe a exploração ao trabalhador.

b)O comercio ilegal de diamantes no Brasil é muito grande, pois varias pessoas querem lucrar e faturar acima disso, pois é um minério caro e difícil de ser encontrado. O comercio ilegal ocorre muito no Brasil, pois é onde a muito abundancia do mineiro. O Brasil também é onde há muitas denuncias de venda ilegal. Infelizmente uma coisa que deveria ser um beneficio, algo precioso e importante se torna um malefício.

Gabriela Lacerda , Numero 10 - 9C

Anônimo disse...

1-Os lugares que tem as maiores áreas do Brasil são os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas.
2- Os mais importantes minerais extraídos no território brasileiro é o ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco e o potássio.
3- Pois com a construção da usina de Tucuruí faz impactos socioambiental causado pelo aumento da exploração do meio vem crescendo dia após dia, é conseqüência pelo aumento da necessidade de energia trazido pelo progresso tecnológico.4- O Brasil tem uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o uso e aproveitamento desses recursos são prejudicados, por que existe falta conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros.
5- Falta de sabedoria para usá-la, muita extração faz com que nossos mineiros se esgotem, tendo pouco lucro, falta de capital para comprar esses recursos e falta de conhecimento para saber extrair os mineiros.
6- a) A extração mineral pode ser um auxilio para a economia, mas ela causa um grande risco ambiental, por que desmata, destrói e contamina as áreas exploradas. Invade propriedades indígenas e terras particulares e também existe a exploração ao trabalhador.
b) O comercio ilegal de diamantes no Brasil é muito grande, pois varias pessoas querem lucrar e faturar acima disso, pois é um minério caro e difícil de ser encontrado. O comercio ilegal ocorre muito no Brasil, pois é onde a muito abundancia do mineiro. O Brasil também é onde há muitas denuncias de venda ilegal. Infelizmente uma coisa que deveria ser um beneficia, algo preciosa e importante se torna um malefício, ou seja, um mal.
*Achei muito boa a sua postagem sobre recursos minerais.
Rafaella Azarias Nº32 9ºC
Beijão Conceição!

Anônimo disse...

Prof gostei muito do post, ai vai as respostass:

1- Principalmete em Minas gerais, porém, a região nordeste também se destaca bastante, como no Pará (serra dos Carajás).
2- Ferro, minério de manganês, bauxita, cassiteríta, ouro, nióbio, chumbo e cobre.
3- Pois com sua construção muitas barragens serão feitas, agredindo o meio ambiente.
4- O Brasil é um país muito privilegiado em recursos minerais, sendo o segundo maior produtor de minério de ferro.
5- Pois o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros.
6-
a)Extração mineral e o meio ambiente: O extrativismo de minérios é sim importante para a humanidade nos dias de hoje, estamos em uma era que necessitamos muito dos minérios extraídos da Terra, e no ritmo desenfreado que extraímos abrimos muitas crateras na face da Terra que depois de extraídas ficam inativas e isso prejudica o meio ambiente, pois para abrir essas crateras temos um grande desmatamento, destruição e contaminação de ecossistemas, que posteriormente estavam lá. Além é claro de invadir áreas indígenas, e explorar trabalhadores.
b)Mercado ilegal dos diamantes:
O diamante é usado para financiar guerras no continente africano (Serra Leoa - África do Sul). Ao ver no vídeo pude perceber que no século 90, as empresas que extraiam o minério da Serra Leoa, no caso a empresa de Van de Kaap, mantinham o mercado ilegal dos diamantes, não financiando a guerra civil, mas sim pagando para ela se manter, pois como é dito no trecho do filme, a grande empresa de Van, compra peças de diamantes e mantém-as em um cofre, para que o preço dos SEUS diamantes continue alto. Vi também que a verdadeira origem do diamante é omitida, para que quando chegam ao destino final estejam de um certo modo “limpas”.

Nícolas - 9º C -
Vlw Prof =D

Anônimo disse...

1-Os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas.
2-minério de ferro, a bauxita, o manganês, a cassiterita, o ouro, o nióbio, a prata e o cobre
3-Pois é utilizado uma grande quantidade de bauxita
4-O Brasil é um país privilegiado em recursos minerais. Alguns são abundantes e outros são mais escassos
5- O aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração.
6- A exploração mineral causa um grande risco ambiental e social, pois resulta em um processo de desmatamento. destrição e até invasões em áres indigenas terras particulates e explorações ao trabalhador. A guerra civil nos anos 90 foi causada pela exploração dos diamantes em Serra Leoa, na Africa do Sul. As organizações controlam o valor economio dos recursos naturais estocandood para deixar fora do mercado mantendo assim um preço alto.
Lueny Ireni Turnes 9° C n° 22

Anônimo disse...

1 as maiores reservas brasileiras estão situadas
Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.
2- Bauxita (utilizado na fabricação de carros, aviões, portas, janelas, panelas, etc) Ouro (utilizado em jóias, tratamento dentário, etc); Minério de Manganês (para a indústria siderúrgica); Nióbio (fabricação de fios supercondutores, turbinas de aviões, etc); Estanho (utilizado em liga com chumbo para realizar a solda usada na eletrônica, em objetos de decoração e é muito resistente à oxidação); Chumbo (remédios, proteção de raio-x); Cobre (condutor elétrico); Calcário (usado na fabricação de cimento, cal, vidro e também como mármore); Urânio e Tório (combustível de reatores nucleares)
3 existem pescadores que sobrevivem da pesca na área. Os moradores afirmam que as obras das eclusas estão avançando a um ritmo acelerado e temem a hora de deixar as residências sem ter dinheiro nem lugar para ir. o projeto tem sido alvo de críticas severas de diversos setores sociais, que alegam sua inviabilidade por questões que vão do econômico ao cultural. Uma das principais acusações diz respeito à ineficiência energética da usina, Vários impactos biológicos ocorrem com a usina

4 Somos privilegiados em recursos minerais, o Brasil possui algumas das maiores reservas de minerais do mundo. Aproximadamente 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil.
5 a poluição causada pela extração, e a invasão de propriedades indígenas.


Sintese :
Existem extrações em regiões como, Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) e Província Mineral de Carajás, existe uma série de problemas em relação a extração de minérios, tais como a invasão de terras indígenas,exploração ao trabalhador ,e alem dos problemas sócias causa também ambientais, tais como desmatamento e
Destruição.
Existe também o comércio ilegal de diamantes,funcionando de tal forma: AS organizações controlam o valor dos recursos minerais, e estocando os diamantes e deixando em falta no mercado, assim valorizando seu valor.

Nome : Luis FERnando N° 23 9°C

Anônimo disse...

Arthur N.2 9C

1-As maiores reservas minerais brasileiras são:
- Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.

2-O ferro que é o principal minério destinado à exportação no Brasil, sua extração ocorre especialmente em Minas Gerais, no Quadrilátero Ferrífero; no Pará, na Serra dos Carajás; e no Mato Grosso do Sul, no Maciço do Urucum. Atualmente a produção é de aproximadamente 235 milhões de toneladas ao ano e depois a bauxita, que é extraída na Serra do Oriximiná, no Pará, o Estado é o principal produtor e abriga a maior concentração desse minério no país, a produção anual gira em torno de 17,4 milhões de toneladas.

3-Porque que a construção da barragem interrompeu o curso da Hidrovia Araguaia-Tocantins, um trecho vital para o escoamento da produção do Centro-Oeste do Brasil. O desnível deve ser vencido pelas Eclusas de Tucuruí cuja construção foi iniciada em 1981 e por falta de recursos encontrava-se incompleta.E deste modo moradores dizem ter medo de perderem suas residências, devido ao avanço da mesma.

4-O Brasil é muito rico em recursos minerais. Os países com maior potencial mineral são, além do Brasil: Canadá, Austrália, Federação Russa, China e Estados Unidos.
Além de uma grande diversidade de minerais explorados no país (mais de 55 minerais diferentes, atualmente), o Brasil possui algumas das maiores reservas de minerais do mundo. Aproximadamente 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil, sendo esse o principal minério extraído no país.

5-: As atividades de mineração no mar podem causar diversos tipos de impactos ambientais aos ecossistemas marinhos, principalmente devido à destruição de habitats, que é um dos principais fatores que causam o declínio do número de espécies em todo o globo. Além de interferir diretamente no fundo submarino, as atividades de mineração podem causar um aumento da turbidez da água, com conseqüências para a produtividade primária local. Podem, introduzir e promover a liberação de nutrientes, causando a eutrofização e também a introdução de substâncias tóxicas, que quando incorporadas à biota, alteram o crescimento, a taxa de reprodução e a sobrevivência das espécies. Os métodos para identificação dos impactos ambientais das atividades de mineração no mar visam estabelecer se estas introduzem poluentes, determinar a biodisponibilidade desses poluentes, verificar a existência de respostas mensuráveis do ambiente e estabelecer a relação causal entre resposta e poluentes.Dejetos de manganês deixados pela Icomi (Indústria e Comércio de Mineração - empresa criada com a associação da empresa norte-americana Bethlehem Steel Corporation e a brasileira Caemi, com produção destinada quase exclusivamente para os Estados Unidos) são cancerígenos. Estes métodos empregam três abordagens: mensuração de concentrações de poluentes no meio físico (água e sedimento) e biótico (bioacumulação); estudos de laboratório ou de campo que visam estabelecer a existência de respostas toxicológicas dos organismos aos poluentes; e estudos de campo sobre modificações na estrutura e processos dos ecossistemas.

Continuação na outra postagem...

Anônimo disse...

1-Quais são as áreas no Brasil, onde se encontram as maiores reservas minerais?

Os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas.

2-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
São os seguintes: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco, potássio,
Entre outros.

3-Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil?

Porque ela tranforma bauxita em alumínio, e visa abastecer o mercado externo. Ela é criticada porque deveria abastecer o mercado interno e não o externo.

4- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?
O Brasil é um país que dispõe uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. O Brasil encontra-se entre os maiores produtores e as maiores reservas mundiais de bauxita.

5-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais ?

A exploração de maneira indevida dos minerais acaba prejudicando a natureza No Brasil a falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

6- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
b)Mercado ilegal dos diamantes.

A extração mineral causa um grande risco social e ambiental, pois resulta no processo de desmatamento. Os recursos minerais podem ser classificados em:
Metálicos
Não Metálicos.
Eles pagavam para a alfândega para se certificar que os diamantes foram extraídos na Libéria, assim podem ser transportados legalmente.
Gabriela dos Santos 11 9C

Anônimo disse...

CONTINUAÇÃO: Arthur G. Rufino 9C


6-A) A extração mineral pode causar inúmeros impactos ambientais e sociais. Dejetos do processamento dos minérios podem contaminar o lençol freático e os mananciais (rios e lagos usados para o abastecimento de água).
A garimpagem do ouro utiliza mercúrio, pois esse elemento reage quimicamente com o ouro e forma um amálgama (isto é, o ouro se liquefaz como o mercúrio). Para separá-los, a mistura é aquecida e o mercúrio evapora, poluindo o meio ambiente. Uma parte do mercúrio (que provoca danos graves ao ambiente e à saúde da população) permanece misturada com a lama e é jogada diretamente nos rios.
A ocorrência de câncer nas áreas de extração de manganês na Serra do Navio (AP) é proporcionalmente cinco vezes maior que a média brasileira. Além disso, dejetos de chumbo já causaram a morte de dezenas de pessoas na Bahia e no Paraná.
B) Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Banestado investiga uma suposta ligação do comércio ilegal de diamantes provenientes do garimpo do rio Grande com um dos maiores esquemas de lavagem de dinheiro e evasão de divisas da história brasileira, responsável pelo envio de pelo menos US$ 30 bilhões (R$ 89,7 bilhões) para o exterior. “Estamos investigando o caso”, confirma a senadora e membro da CPMI Serys Slhessarenko (PT-MT), sem revelar mais detalhes. “No momento oportuno, vamos revelar tudo.” No entanto, o Diário apurou que, por sete anos - de 97 até maio deste ano - o garimpo, localizado entre Frutal (MG) e Guaracia, tornou-se cenário de um mercado negro de diamantes muito bem organizado que só parou por causa de sucessivas blitze de órgãos ambientais e da Procuradoria da República.

Anônimo disse...

1 - Quais são as áreas no Brasil, onde se encontram as maiores reservas minerais?
Os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas.
2-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
São os seguintes: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco, potássio, entre outros.

3- Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil?
A usina hidrelétrica de Tucuruí (PA) desalojou comunidades, inundau enormes extensões de terras e destruiu a fauna e a flora regional.

4- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?
O Brasil é um país que dispõe uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. O Brasil encontra-se entre os maiores produtores e as maiores reservas mundiais de bauxita.
5-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais ?
A exploração de maneira indevida dos minerais acaba prejudicando a natureza No Brasil a falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).
6- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
Depois da descoberta dos recursos minerais, no século XIIIX , as extrações se tornaram muito frequentes, apesar de elas terem um grande auxílio na economia brasileira, a exploração mineral causa um grande risco ambiental e social, pois para o seu processo ser realizado, é necessário desmatar, destruir e contaminar os ecossistemas, além de agredir a sociedade com invasões de áreas indígenas, terras particulares, e exploração ao trabalhador. Para promover diálogo entre as nações e elaborar novas bases que serão seguidas pelos países, são feitos organismos internacionais, instituições compostas por vários países. Alguns exemplos de organismos internacionais: Organizações das Nações Unidas, Fao, Unesco, Unicef, Pnud, Oit, entre outras.
b)Mercado ilegal dos diamantes.
Nos anos noventa, a guerra civil foi gerada pela exploração dos diamantes em Serra Leoa na África do Sul as organizações controlam os valores econômicos dos recursos minerais, extorquindo-o para deixa-lo fora do mercado, mantendo assim o preço alto.

Anônimo disse...

Ricardo Nicoluzzi Numero 34 9anoC

1-As maiores reservas se encontrão nos estados de Minas Gerais e Pará.
2-O ferro ultilisado nas ligas de aço para construção,depois o manganês que é ulitizado tambem para a
criação do aço,logo depois vem o bauxita que se usa para a produção de aviões,portas,panelas etc.,depois
vem o estanho e depois o ouro que é ultilizado em joias,computadores entre outras coisas,temos tabém o
nióbio usado na criação de fios de alta tenção,o chubo usado como peso na linha de pesca,o cobre otimo condutor
eletrico,o níquel,o tungsténio que se usa para o filamento de lampadas,agora os não metalicos temos o sal,
o calcário que se usa para fazer cimento,enquanto os radioativos temos o urânio e o tório que são usados para
energia nuclear.
3-Pois ela viza o mercado externo e não o interno em seus projetos.
4-O Brasil tem recursos minerais mas falta investimentos nessa area e se o brasil não investir
outros países o farão.
5-Ele destroi toda a mata em volta da jazida polui o meio ambiente,explora o trabalhador,pode destruir reservas indigensa e
pode ser perigoso como os radiotivos.
6-A extração dos recursos minerais alcilia a economia btrasileira porem caus a um grande prejuizo
ambiental e social,podem ser clacificados em metálicos ferro,ouro,uranio e não metalicos argila,petrolio.
São usados para a sobrevivencia da humanidade e para muitas outras coisas.
O mercado ilegal de diamantes que são extraidos de mãos excravas o diamante entra legalmente no pais é
avaliado e guarda para manter alto o preço.

Anônimo disse...

Nome: Izabella Marques Borges Nº 15 9ºC

Ola Conceição aqui estão as respostas das perguntas:

1-As maiores jazidas de sal estão no Rio Grande do Norte, Piauí e no Rio de Janeiro. Assim como as maiores reservas de calcário estão no Mato Grosso do Sul, em Minas e na Bahia. Porém, os estados de Minas Gerais e o Pará,possuem as maiores e principais reservas do país. São elas :Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.

2-Os mais comuns são os minérios de ferro, manganês, bauxita, cassiterita e os mais escassos são o cobre, a prata, o urânio e o chumbo. Outros minerais são amianto, cromo, estanho, grafita, , níquel, ouro, potássio, rocha fosfática e zinco.

3-A usina de Tucuruí produz a maior parte da energia que Pará, Tocantins e Maranhão consomem. Porém a uma grande polemica ao redor dos impactos ambientais que essa usina produz. Estudos mostram por exemplo, que os indios que moram na região da usina, tendem a viver de 20 a 10 anos menos do que varios povos indigenas ao redor do mundo, assim como a taxa de suicidio aumentou 19%. A ONU ja fez criticas ao projeto, em prol dos indigenas. Também é importante falar que a construção da barragem interrompeu o curso da Hidrovia Araguaia-Tocantins, um trecho vital para o escoamento da produção do Centro-Oeste do Brasil. O desnível deve ser vencido pelas Eclusas de Tucuruí cuja construção foi iniciada em 1981 e por falta de recursos encontrava-se incompleta. O Governo Federal concluiu esta obra em novembro de 2010.


4-O Brasil é muito rico em recursos minerais. Os países com maior potencial mineral são, além do Brasil: Canadá, Austrália, Federação Russa, China e Estados Unidos. Além de uma grande diversidade de minerais explorados no país (mais de 55 minerais diferentes, atualmente), o Brasil possui algumas das maiores reservas de minerais do mundo. Aproximadamente 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil, sendo esse o principal minério extraído no país. Outro mineral, o nóbio, tem suas maiores reservas ocidentais no Brasil.

Nao consegui mandar todas as minhas respostas vou mandar outro comentario.

Anônimo disse...

Comenetario Parte 2

Izabella Marques Borges Nº 15 9ºC

5-As consequências dessa atividade não são poucas:o despejo de produtos químicos no meio ambiente, entre os quais estão os rejeitos de mineradoras; a dependência de combustíveis fósseis; e o esgotamento de recursos hídricos.são algumas delas
O garimpo ilegal do ouro, que lança resíduos de mercúrio no meio ambiente. Outro problema estaria em um "passivo ambiental", ou seja, uma poluição gerada pela atividade mineradora de grandes empresas quando inexistia uma legislação reguladora, o que ainda precisa ser aferido detalhadamente.
6-Conceição, não consegui abrir o vídeo, então procurei na internet e em revistas informações sobre esses dois assuntos:
A extração mineral pode causar inúmeros impactos ambientais e sociais. Dejetos do processamento dos minérios podem contaminar o lençol freático e os mananciais (rios e lagos usados para o abastecimento de água).
Dejetos de manganês deixados pela Icomi (Indústria e Comércio de Mineração - empresa criada com a associação da empresa norte-americana Bethlehem Steel Corporation e a brasileira Caemi, com produção destinada quase exclusivamente para os Estados Unidos) são cancerígenos.

A ocorrência de câncer nas áreas de extração de manganês na Serra do Navio (AP) é proporcionalmente cinco vezes maior que a média brasileira. Além disso, dejetos de chumbo já causaram a morte de dezenas de pessoas na Bahia e no Paraná.A produção mineral do chumbo, mercúrio, zinco, cobre e prata pode resultar na liberação de enxofre na forma de SO2 para a atmosfera, causando chuva ácida.
A abertura de mina a céu aberto ocasiona a retirada da vegetação nativa e os materiais desagregados do processo de extração acabam sendo levados aos rios e lagos. Isso provoca o assoreamento, que obstrui, com areia ou outros sedimentos, rios e canais, em conseqüência da redução da correnteza. O pó suspenso no ar causa, nas pessoas que têm contato permanente com ele, doenças respiratórias gravíssimas.
A atividade de extração mineral tende a se ampliar, pois o crescimento econômico mundial, principalmente da China e da Índia, vem provocando um aumento da demanda e dos preços internacionais das commodities (produtos primários, em estado bruto, de grande importância no mercado internacional, como minério de ferro, algodão, petróleo), aumentando os investimentos e a produção no setor.
Nas décadas de 1980 e 1990, alguns países da África ocidental e central, desintegraram-se num banho de sangue de torturas, assassinatos e guerra civil. A carnificina foi motivada pelo comércio ilegal de pedras preciosas. São os diamantes que adornam os dedos de milhões de pessoas em todo o mundo. As enormes somas de dinheiro e armas que se trocaram por diamantes contribuíram para criar duas das guerras civis mais sangrentas de África e provocaram atrozes ataques contra os direitos humanos dos civis.

Na Serra Leoa e em Angola "a guerra acabou mas, apesar da riqueza dos diamantes, ouro e bauxite, titânio, etc., subsistem muitos males que a geraram: desemprego, pobreza, corrupção, mau governo, juventude sem esperança; 70% dos seis milhões de nascidos na Serra Leoa tem menos de um dólar por dia. Freetown, a capital, é um campo de refugiados que transborda pobreza selvagem" foi o que disse Hala Jaber, no Sunday Time.

Em 2006 inclusive foi lançado um documentário sobre isso que se chama Diamante de Sangue com Leonardo DiCaprio ( que eu já vi) e é extremamente realista, e que conta a historia do Mercado Ilegal de diamantes, onde as empresas de Van Kaarp ( não sei se assim que se escreve) compra outros diamantes e os mantem em cofres só para as pedras que compram, para continuar a enganar os clientes dizendo que seus diamantes são raros.

Agora acabou ;)

Bjs izaa ;*

Anônimo disse...

Matheus Provesi T. de Souza
28 3A

1- O Projeto Carajás, oficialmente conhecido como Programa Grande Carajás, é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta. Estende-se por 900 mil km², numa área que corresponde a um décimo do território brasileiro, e que é cortada pelos rios Xingu, Tocantins e Araguaia, e engloba terras do sudeste do Pará, norte de Tocantins e sudoeste do Maranhão. Foi criado pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce, durante o governo Figueiredo.

Além da maior reserva de minério de alto teor de ferro do mundo, são explorados manganês, cobre, níquel, ouro, bauxita e cassiterita.

2- O Quadrilátero Ferrífero se estende por uma área aproximada de 7.000 km2, na porção central do Estado de Minas Gerais.
Existem vastos depósitos de minério de Ferro que ocorrem numa área limitada aproximadamente pelas linhas que ligam Itabira, Rio Piracicaba, Mariana, Congonhas do Campo, Casa Branca e Itaúna. Constituí uma das áreas clássicas da Geologia Pré-Cambriana do mundo.
A geologia do Quadrilátero Ferrífero é bastante complexa. Há no mínimo três séries de rochas sedimentares separadas por discordâncias principais. As rochas da área encontram-se dobradas, falhadas e foram metamorfisadas em graus variáveis .

3- Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais), dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
Província Mineral de Carajás (Pará), são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.

4 - Petróleo, Carvão, Alumínio, Ferro, Ouro, Diamante,Cobre, Estanho, Manganês,Sal marinho e Calçario.

5- Muitos acreditam que essa usina pode prejudicar o meio-ambiente e causar danos à fauna e flora.Alem de interferir no alagamento das áreas vizinhas, aumento no nível dos rios. Alem disso,já desmatou uma área de aproximadamente 3.000 km² e desabrigou muita gente, violando seus direitos e não cumprindo deveres com indenização para as pessoas atingidas.

6 e 7 O Brasil é um país privilegiado em recursos minerais. Alguns são abundantes (minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita); outros são mais escassos (cobre, prata, urânio, chumbo). No conjunto, dispõe de uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros.

8- A extração mineral pode causar inúmeros impactos ambientais e sociais. Dejetos do processamento dos minérios podem contaminar o lençol freático e os mananciais (rios e lagos usados para o abastecimento de água).

b - A empresa compra uma grande quantidade de diamantes e deixa armazenada em seu estoque, para que a procura continue grande e a oferta pequena, o que consequentemente gera um aumento no preço da pedra e do lucro de quem vende

Anônimo disse...

1)O Projeto Grande Carajás (PGC) foi criado no fim da década de 1970 e teve como principal objetivo realizar a exploração em alta escala dos recursos minerais desta serra, que é considerada a mais rica do mundo, pois possui minério de ferro, ouro, estanho, bauxita, manganês, níquel e cobre. Além da exploração mineral, o Projeto também inclui a exploração de recursos agroflorestais, extrativistas, agropecuários, além do aproveitamento do potencial hidrelétrico de alguns rios o que fortaleceria a economia brasileira.

2)O Minério de ferro está entre os cinco principais itens exportados pelo Brasil, e é o mineral mais explorado em nossas regiões. O minério de ferro bruto possui grande importância pois é a matéria-prima básica do aço muito utilizado na estruturas de indústrias, edifícios, hotéis, estádios, aeroportos, pontes e shoppings, etc,. A maior parte da extração e produção deste minério é exportada para os Estados Unidos, Japão e União Européia.

3)As principais jazidas minerais do país estão situadas na Serra dos Carajás/PA (minério de ferro, manganês), Vale do Trombetas/PA (bauxita), Quadrilátero Ferrífero (minério de ferro, manganês), Maciço do Urucum/MS (minério de ferro, manganês.

4) Ferro,bauxita, manganês,cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, zinco, potássio, entre outros.

5)Assim como em todas as construções de usinas o grande questionamento é sobre os impactos ambientais que esta obra pode causar. Segundo o professor Ross (apud STIPP, 1999, p.26) são inúmeros os impactos entre eles:Desalojamento populações ribeirinhas rurais e urbanas, inundação sítios arqueológicos,dificuldades de circulação e comunicação entre cidades vizinhas,Condiciona a concentração fundiária onde predominam as pequenas e médias propriedades rurais,cria um falso pico de desenvolvimento local que tende esgotar-se com o termino da construção e entrada em operação etc

6)O Brasil é um dos principais produtores mundiais de minérios. Possuímos algumas das maiores reservas geológicas do mundo (Quadrilátero Ferrífero, em Minas Gerais;a província Alcalina do Sul do Brasil; e a Província Mineral de Carajás, situada no Estado do Pará) com suas jazidas de ferro. Nosso país também possui cerca de 8% das reservas mundiais de ferro. A atividade geralmente provoca grande impacto nas áreas onde atua, já que os recursos são retirados do subsolo. Por isso, a modernização da infraestrutura nas áreas de geologia, engenharia de minas e tecnologia mineral é essencial para o sucesso da atividade no Brasil.

7) Além de muitas vantajosas utilizações, a extracção destes recursos traz problemas principalmente ambientais, pois com ela ocorre a liberação de poeira prejudicial ao homem, são destruídos ecossistemas para a construção de estradas para o seu transporte, quando os minerais são refinados, as substâncias liberadas poluem a atmosfera e as águas próximas, por vezes a paisagem é alterada, etc.

8) a)Apesar de ser muito importante e lucrativa, a extração mineral resulta do desmatamento, poluição e contaminação e ecossistemas, causa também a invasão nas terras indígenas e a apropriação de terras privadas e exploração do trabalhador.

b)Inúmeras organizações controlam o valor do diamante deixando estocado para que ele não circule no mercado, aumentando assim o seu preço. A extração de diamantes em muitos lugares não é permitida, assim como a sua exportação, os atravessadores "driblam" a alfandega e mandam os diamantes como se tivessem sido extraídos de um país onde essa prática é permitida. Após isso, as pedras são avaliadas e lançadas no mercado, sem que o consumidor saiba sua ilegalidade.

Brenda Bonvini nº03 3ºA EM

Anônimo disse...

1-) O Projeto Carajás, oficialmente conhecido como Programa Grande Carajás (PGC), é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta, pela Vale (antiga CVRD). Estende-se por 900 mil km², numa área que corresponde a um décimo do território brasileiro, e que é cortada pelos rios Xingu, Tocantins e Araguaia, e engloba terras do sudeste do Pará, norte de Tocantins e sudoeste do Maranhão. Foi criado pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce, durante o governo Figueiredo, quando Eliezer Batista era presidente da Vale.

2-) Atualmente, os principais minérios extraídos no Brasil são: ferro, bauxita (alumínio), manganês, nióbio. O Brasil é o segundo maior produtor de ferro do mundo, com cerca de 235 milhões de toneladas. São extraídos em jazidas localizadas no Quadrilátero Ferrífero, em Minas Gerais; na Serra dos Carajás, no Pará; no Maciço do Urucum, no Mato Grosso do Sul. O ferro é o principal componente na fabricação do aço.

3-) Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho

4-)Os principais minérios encontrados no Brasil são: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco, potássio, entre outros.

5-)No caso de Tucuruí, houve uma praga impressionante de mosquitos do gênero Mansonia, um tipo de inseto extremamente agressivo que pica tanto de dia quanto de noite. Isto aconteceu devido aos ventos predominantes, que na Amazônia sopram de leste para oeste, empilhando as macrófitas (plantas aquáticas) no lado oeste do reservatório. Esta margem estava encostada no assentamento da Gleba Parakanã, levando os assentados a tentar, durante dois anos, conseguir um local diferente para morar (no final, desistiram e estabelecerem um novo assentamento por conta própria).

6-) Brasil é rico em minérios, como bauxita, ouro, ferro, manganês, níquel, fosfatos, platina, urânio; todo o petróleo que extrai é consumido na maior parte para produção de materiais de borracha e combustiveis por exemplo. Recentemente o Brasil conquistou sua auto-suficiência no petróleo ou seja, produz internamente todo o petróleo que consome.

7-)A exploração de maneira indevida dos minerais acaba prejudicando a natureza No Brasil a falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

8-)Depois da descoberta dos recursos minerais, no século XIIIX , as extrações se tornaram muito frequentes, apesar de elas terem um grande auxílio na economia brasileira, a exploração mineral causa um grande risco ambiental e social, pois para o seu processo ser realizado, é necessário desmatar, destruir e contaminar os ecossistemas, além de agredir a sociedade com invasões de áreas indígenas, terras particulares, e exploração ao trabalhador. Para promover diálogo entre as nações e elaborar novas bases que serão seguidas pelos países, são feitos organismos internacionais, instituições compostas por vários países. Alguns exemplos de organismos internacionais: Organizações das Nações Unidas, Fao, Unesco, Unicef, Pnud, Oit, entre outras.
b)
Nos anos noventa, a guerra civil foi gerada pela exploração dos diamantes em Serra Leoa na África do Sul as organizações controlam os valores econômicos dos recursos minerais, extorquindo-o para deixa-lo fora do mercado, mantendo assim o preço alto.

Leonardo Biu Ilkiu - 21 - 3°B

Anônimo disse...

1.O Grande Projeto Carajás é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce (hoje Vale, empresa privatizada), na mais rica área mineral do planeta. O projeto representa para o Brasil um grande investimento no setor metalúrgico, principalmente voltado para a exportação.
2.Sua produção abastece as usinas siderúrgicas nacionais e produz, em grande parte, para exportação. O minério é escoado através da Estrada de Ferro Vitória-Minas até os terminais do Porto de Tubarão, em Vitória, capital do Espírito Santo (tanto a ferrovia Vitória-Minas quanto o Porto de Tubarão pertencem a Vale S.A.).
3.- Quadrilátero Ferrífero ou Central (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês. / Serra dos Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio. / Vale do trombetas (Pará) – a região responde por 79% da produção de bauxita. É a maior concentração de bauxita do Brasil e uma das principais do mundo. / Maciço de Urucum (Mato Grosso do Sul) – detém uma grande jazida de ferro e manganês que ainda não foi efetivamente explorada. A parcela produtiva tem como destino o mercado argentino.
4. Ferro, manganês, bauxita, cassiterita.
5.A construção da usina de Tucuruí (PA) na Amazônia, na década de 1970 desalojaram comunidades, inundaram enormes extensões de terra e destruíram a fauna e a flora da região. Quase dez mil famílias ficaram sem suas terras, entre indígenas e ribeirinhos.
6 e 7. No conjunto, o Brasil dispõe de uma grande variedade e quantidade de minerais. Mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros.
8. a) A exploração mineral causa um grande risco ambiental e social. Pois resulta num processo de desmatamento, destruição e contaminação de ecossistemas. Além de agredir a sociedade com invasões em áreas indígenas, terras particulares e exploração ao trabalhador.
b) O conflito em torno dos “diamantes de sangue" teve seu início em Serra Leoa, um pequeno país africano. Até a intervenção da ONU, o clima em Serra Leoa foi de grande instabilidade devido à falta de um governo estável e eficaz no controle da exploração das minas de diamantes. Devido a essa falta de controle e de poder legítimo, as instituições governamentais sofreram um processo de deterioração e o país entrou em decadência. Esse ambiente propiciou a eclosão de uma guerra civil que durou aproximadamente 10 anos, de 1991 a 2001. Nesse período instável e de total descrédito da população, um grupo de pessoas composto por soldados e cidadãos de Serra Leoa insatisfeitos com o governo, pretenderam derruba-lo e assumir o poder. Esse grupo denominou-se RUF ou "Frente Revolucionária Unida", e teve seu início anterior a esse momento, ou seja, em 1984. Como fonte geradora de recursos para a manutenção da guerra civil instalada, a RUF investiu no controle das minas de diamantes de Serra Leoa e, com a exploração dos diamantes, o grupo passou a comercializar as pedras preciosas no mercado internacional em troca de armas para sustentar sua causa. Nesse sentido, a RUF provocou um movimento violento em Serra Leoa, dando início aos conflitos sustentados pelos “diamantes de sangue". Após dez anos de tantos horrores, violência e desrespeito aos direitos humanos, a ONU e a Comunidade Internacional fizeram-se mais presentes e com maior força na ajuda para a resolução dos conflitos brutais. Neste sentido, o "Sistema de Certificado do Processo de Kimberley" – SCPK foi criado para tentar controlar e inibir o comércio ilegal de diamantes no mercado internacional e para dar fim aos conflitos gerados pelos “diamantes de sangue"
Sarah - 3B - 39

Anônimo disse...

1- O Projeto Carajás é dividido em dois períodos. O primeiro foi iniciado em 1983 e coordenado por Mário Ferreira Simões e, posteriormente, por Daniel Lopes. Neste período a principal preocupação era localizar sítios ribeirinhos às margens do Itacaiúnas e do Parauapebas. Ele foi concluído em 1986, justamente quando Daniel Lopes e equipe descobriram a Gruta do Gavião no platô N5 da Serra Norte. O segundo período teve início em 1990 e foi coordenado por Marcos Pereira Magalhães. Nele objetivou-se o levantamento arqueológico das grutas existentes nos platôs da Serra Norte, Carajás, onde foram encontrados 15 sítios de antigos caçadores-coletores, sendo que ocupação mais antiga foi registrada na Gruta do Pequiá, com 9000 anos antes do presente. Este projeto foi concluído em 1998.
2- Entre os vários minérios extraídos do Quadrilátero Ferrífero estão o ouro, o manganês e o ferro. É a maior produtora nacional de minério de ferro (60% da produção brasileira). É transportado em ferrovias para o porto Tubarão, em Vitória, capital do Espírito Santo.
3- - Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.
4- Principais minérios extraídos no Brasil: Ferro, bauxita (alumínio), manganês e nióbio.
5- A usina hidrelétrica de Tucuruí é alvo de críticas e muitos debates envolvendo o governo e a população que mora no local. O governo defende a importância da construção da usina para o desenvolvimento do Brasil, dizendo que a hidrelétrica vai gerar a energia necessária para dar continuidade ao processo de industrialização do país e manter um elevado ritmo de crescimento econômico. Por outro lado, a população diz que vários impactos são previstos com a redução dos níveis da água do rio Xingu como extinção local de espécies, escassez da pesca, aumento de pressão fundiária e de desmatamento, etc. A usina também foi criticada com a privatização, pois indústrias internacionais não se preocupam com os impactos e enquanto as nacionais lutam para reduzir os desastres.
6 e 7- O Brasil apresenta um território com recursos minerais bem diversificados, porem não são bem aproveitados devido a falta de conhecimento de nossas reservas e também poucos recursos financeiros para exploração, causando desta forma danos para o meio ambiente e para sociedade. A falta de dinheiro nos aproxima de grupos estrangeiros
8- a) O extrativismo de recursos minerais é muito bom para a economia brasileira, mas para população nem tanto, além de causar muitos problemas ambientais como o desmatamento, destruição e poluição.
b) O mercado ilegal de diamantes, mostrado com um trecho do filme, no vídeo baseia-se na lei da oferta de da procura: enquanto o item for raro, o preço estara mais elevado.

Luciana Varela Voigt, 22, 3ºA

Matheus Tietjen Slomsky 3ºB 30 disse...

1 - O projeto Carajás seria mais uma forma de aumentar nossa mineração, e assim conseqüentemente aumentar também os lucros que temos devido a exportação dos minérios aqui produzidos. Teve sua atividade iniciada em 1985, quando a atividade na Ferrovia Carajás entrou em funcionamento, para escoar os minérios.
2 - É enviado para complexos siderúrgicos no Sudeste, e para o Japão, EUA e União Européia. A produção é escoada pelas ferrovias Carajás e Vitória-Minas.
3 - As maiores reservas se encontram nos estados de Minas Gerais, o Quadrilátero Ferrífero, e no Pará, com a serra de Carajás. Essas duas são responsáveis por quase toda a mineração de ferro no Brasil. Também existe o Maciço de Urucum, no Mato Grosso do Sul.
4 - Minério de manganês, bauxita, cassiteríta (estanho), ouro, nióbio, chumbo, níquel, cloreto de sódio, calcário,e em pequena quantidade os minerais radioativos, urânio e tório.
5 - A usina de Tucuruí é responsável pela energia usada pra transformar bauxita em alumínio, e sua "expansão", faria com que empresas internacionais tivessem maior papel na mineração brasileira, tomando parte de nossa participação.
6 - O Brasil é um dos maiores mineradores do mundo, estando no topo da lista em mineração de diferentes minérios de ferro e minérios não metálicos, estando atrás apenas dos países que mineram grandes quantidades de urânio e tório.
7 - O Brasil tem grande extração, mas apenas uma pequena parte é realmente aproveitada por nós, já que exportamos a maior parte, e dentro do Brasil, o minério é dificilmente transportado, devido a pouco infra-estrutura das ferrovias destinadas a esse fim.
8 - A) A mineração gera desmatamento, poluição do solo e ar e a invasão a territórios indígenas ou particulares, sendo um grande risco ao meio ambiente.
B) Os diamantes são estocados e mantidos em escassez no mercado, mantendo seu valor alto, assim os lucros gerados com esses diamantes em um mercado negro é muito maior.

Anônimo disse...

Pedro Luiz Maba, 36. 3ºB.

1- O Projeto Grande Carajás é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta, pela Companhia Vale do rio doce. Estende-se por 900 mil km², numa área que corresponde a um décimo do território brasileiro
2- O minério de ferro extraído tem dois destinos, há a parte destinada ao mercado externo e o minério de ferro do vale do rio Parapeba é destinado ao mercado interno vai às metalurgias e siderurgias, tanto aquelas situadas no chamado Vale do Aço, como a Usiminas, a Açominas e a Mannesman, quanto as localizadas em outros estados.
3- As principais jazidas minerais do Brasil estão localizadas na Serra dos Carajás/PA (minério de ferro, manganês), Vale do Trombetas/PA (bauxita), Quadrilátero Ferrífero (minério de ferro, manganês), Maciço do Urucum/MS (minério de ferro, manganês).
4- O mais importante é o ferro- sendo que aproximadamente 8% das reservas de ferro no mundo estão no Brasil- em seguida vem a bauxita, o manganês e outros.
5- Porque para a construção da usina uma barragem no Rio Tocantins foi construída, alagando uma área de mais de dois mil quilômetros quadrados. E além do alagamento, água parada gerou uma praga de mosquitos e um aumento expressivo na incidência de malária sobre as comunidades indígenas da região.
6- O Brasil possui algumas das maiores reservas de minerais do mundo. Além da grande quantidade de reservas de ferro, outro mineral, o nóbio, tem suas maiores reservas ocidentais no Brasil. O Brasil é um país de grande potencial mineral, isso é explicado por possuir grande parte de sua superfície constituída de terrenos metamórficos (Cristalinos) do período pré-cambriano
7- Há diversos problemas ambientais e também sociais porque o minério para ser extraído ocorre muito desmatamento e social porque muitas áreas como reservas indígenas são invadidas para a extração do minério.
8- A) Para a extração de minério ocorrer, acontecem vários impactos ao meio ambiente, como um grande índice de desmatamento, dejetos que podem contaminar rios e lagos e pode ocorrer toda uma poluição e conseqüente contaminação do ecossistema. B) Os diamantes ilegais são contrabandeados e são misturados com os diamantes extraídos legalmente, assim todos são “guardados” para que o preço se mantenha alto. Esse mercado ilegal de diamantes é praticamente o que financia guerras civis em alguns países africanos.

Anônimo disse...

1) Este projeto é um mega empreendimento, onde é liderado pelo governo federal desde a década de 1980, tendo o objetivo centra de extrair os minérios descobertos agropecuários e de reflorestamento de eucalipto, e mineralógico. Um dos principais objetivos do projeto constitui em atrair investimentos estrangeiros para a Amazônia oriental , tendo para amenizar a crise financeira sofrida na época. Além de trazer muitos problemas ambientais, trouxe grandes pontos positivos.

2)As principais vias de escoamento são a estrada de ferro Vitória-Minas e o porto exportador de tubarão, no espírito santo. Os minérios tem grande importância para a construção civil e agricultura (corretivo do solo), mas também são muito voltados para a exportação, alguns país como Canadá, Estados Unidos, Chile, Ucrânia, Venezuela.

3)O Brasil é muito rico em recursos minerais. Os países com maior potencial mineral são, além do Brasil: Canadá, Austrália, Federação Russa, China e Estados Unidos.Além de uma grande diversidade de minerais explorados no país, o Brasil possui algumas das maiores reservas de minerais do mundo. Sendo 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil, e esse é o principal minério extraído no país. Outro mineral, o nóbio, tem suas maiores reservas ocidentais no Brasil. Os principais minérios encontrados no Brasil são: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro,estanho, níquel, manganês, zinco, potássio, entre outros. As reservas minerais brasileiras que estão entre as maiores do mundo são: Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês e Província Mineral de Carajás (Pará) são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.

4)São os seguintes: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco, potássio,Entre outros.

5)Pois ela transforma bauxita em alumínio, onde visa abastecer o mercado externo. Então é criticada porque deveria abastecer o mercado interno e não o externo.

6)O Brasil tem recursos minerais mas falta investimentos nessa area e se o brasil não investir outros países o farão. Sendo assim é um país que dispõe uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. O Brasil encontra-se entre os maiores produtores e as maiores reservas mundiais de bauxita.

7)Falta de conhecimento nas reservas e isso faz com que tenha poucas extrações, e falta do capital para comprar esses recursos. A exploração de maneira indevida dos minerais acaba prejudicando a natureza No Brasil a falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

8)a)Extração mineral e o meio ambiente.Os recursos minerais podem ser classificados em metálicos e não-metálicos.
Essa exploração mineral causa um grande risco ambiental e mineral, pois resulta em um processo de desmatamento e destruição de muitas áreas da natureza, além de causar muitas vezes invasão em terras indígenas, terras particulares e exploração de trabalhadores.
b)Mercado ilegal dos diamantes.Que pedras "sujas" são levadas ilegalmente a um lugar onde se misturam com pedras "limpas", e a maioria das pedras de boa qualidade são compradas pela líder de venda de pedras e são guardadas em um cofre mantendo o preço das pedras alto no mercado.


Gesieli De Oliveira nº12 3B

Anônimo disse...

1. Foi feito para melhorar o desenvolvimento na regioão norte do país no sentido de mineração, onde cobre, aluminio, ouro, manganês, zinco, níquel entre outros minerais são extraidos daquela região. Pórem traz risco para a natureza e para as pessoas da região. Este projeto esta ligado com a Vale e outras empresas mundiais. Foi iniciado no ano de 1983. É dividido em dois periodos o 1º a inicialização e o 2º levantamentos arqueológicos de grutas e terrenos disponivel para realizar o projeto. com isso traz renda, aumenta a importação e exporação, movimenta os portos e o mercado interno.
2. O minério de ferro exportado é transportado pela Estrada de Ferro Vitória-Minas, que liga o Quadrilátero ao porto de Tubarão, em Vitória, e pela Estrada de Ferro Central do Brasil, até o porto de Sepetiba, no Rio de Janeiro. é utilizado em siderúrgicas, industrias, junto com outros minerios cria-se ligas de ferro e metalicas, é exportado para o norte Americano e Europa.
3.Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero), Localizado entre os municípios de Belo Horizonte, Mariana, Santa Bárbara e Congonhas do Campo e Pará (serra dos Carajás) Localizada no Sudeste do Pará. Urucum (MS). No Amapá as reservas localizadas na serra do Navio. Pode ser encontrados minerios em Minas Gerais, Espirito Santo, São Paulo, Pará, Amazonas e outras regiões do Nordeste brasileiros.
4. Minério de Ferro, Manganês, Bauxita, Cassiteríta, Ouro, Nióbio, Urânio e Tório
5. Na visão da ecologio foi devastada uma area para criar a usina e com isso especies de animais e plantas foram mortos. Tambem por ser comandade por empresas internacionais assim o país não tem controle sobre esta fonte de renda.
6. Algumas reservas estão se esgotando outras já fecharam pois não existe mais minerios ali a ser extraidos, assim faz cair o numero de exportação e o preço do minerio suba rapidamente pela falta do mesmo, com isso todo o país sentirar a falta pois atraves desde minerios pode levantar edificios, aviões e outras estruturas importande para nosso dia-a-dia.
7. A falta dos mesmo e a decadencia economica e de desenvolvimento do país.
8.a) O video mostra os principais minerios que são exportado pelo país, com isso grandes areas de terras foram desmatadas para criar usina hidroeletricas, e tambem utilizar com mais necessitada dos minerais não renovaves.
b) O video mostra um trecho de um filme, onde representa o caminho que pedras faltas se tormam preciosas, porem como fica cada vez mais dificil encontrar diamantes os proprios garimpeiros acabam escondendo os diamantes para venderem. Isso criasse um comercio ilegal pois são pedras falsas que se passa por verdadeiras.
Alan Rizzi 01 3ªºB-EM

Anônimo disse...

1 - Oficialmente conhecido como Programa Grande Carajás (PGC), é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta, pela Vale (antiga CVRD). Estende-se por 900 mil km², numa área que corresponde a um décimo do território brasileiro, e que é cortada pelos rios Xingu, Tocantins e Araguaia, e engloba terras do sudeste do Pará, norte deTocantins e sudoeste do Maranhão.[2] Foi criado pela então empresa estatalbrasileira Companhia Vale do Rio Doce, durante o governo Figueiredo, quandoEliezer Batista era presidente da Vale.
2 - O Quadrilátero Ferrífero é a principal área produtora de minério de ferro do país por causa do alto teor metálico dos minerais, da proximidade dos principais centros consumidores do país, e da presença de infra-estrutura para escoamento da produção, como a Estrada de Ferro Vitória-Minas e o porto exportador de Tubarão, no Espírito Santo.
3 - Quadrilátero Central ou Ferrífero, integrado pelos municípios de Mariana, Congonhas, Santa Bárbara e Sabará, em Mina Gerais; Maciço de Urucum, no Pantanal Mato-Grossense, Mato Grosso do Sul; Serra dos Carajás, no estado do Pará.
4 - Minério de ferro, nióbio, o manganês e a grafita.
5 - Os movimentos sociais e as lideranças indígenas da região são contrários à obra porque consideram que os impactos socioambientais não estão suficientemente dimensionados. Em outubro de 2009, por exemplo, um painel de especialistas debruçou-se sobre o EIA e questionou os estudos e a viabilidade do empreendimento. Um mês antes, em setembro, diversas audiências públicas haviam sido realizadas sob uma saraivada de críticas, especialmente do Ministério Público Estadual, seguido pelos movimentos sociais, que apontava problemas em sua forma de realização.

Ainda em outubro, a Funai liberou a obra sem saber exatamente que impactos causaria sobre os índios e lideranças indígenas kayapó enviaram carta ao Presidente Lula na qual diziam que caso a obra fosse iniciada haveria guerra. Para culminar, em fevereiro de 2010, o Ministério do Meio Ambiente concedeu a licença ambiental, também sem esclarecer questões centrais em relação aos impactos socioambientais.
6 - O segundo maior exportador de minério de ferro, o Brasil tem muito mineiro.
7 - As conseqüências ambientais, na extração, produção ou etapas decorrentes até o consumidor.
8 -
a) A extração gera efeitos, alguns que não foram considerados importantes hoje são problemas a saúde.
b) Extraem de um país que esta em conflito, passam pra outro em não conflito e depois refém esses recursos, pelo efeito de oferta e procura o preço se mantém alto.

Jean Carlos nº17 3ºB

Anônimo disse...

1-O que representa para o Brasil o Grande Projeto Carajás? Quando foi criado?
R: O Projeto Grande Carajás (PGC) foi lançado no fim da década de 1970 e teve por objetivo realizar a exploração integrada e em alta escala dos recursos minerais dessa província mineralógica, que é considerada a mais rica do mundo (possui minério de ferro, ouro, estanho, bauxita - nome dado ao minério de alumínio -, manganês, níquel e cobre).

2- Quais os principais destinos do minério de ferro extraído do Quadrilátero Central ? E quais as duas vias de escoamento?
R: A maior parte da produção é exportada para os Estados Unidos, Japão e União Européia. Localizado entre os municípios de Belo Horizonte, Mariana, Santa Bárbara e Congonhas do Campo, o Quadrilátero Ferrífero é responsável por aproximadamente 80% da produção nacional; 60 a 70% do minério de ferro produzido nessa área é destinado à exportação.

3- Localize os estados e as principais jazidas minerais do Brasil:
R: As maiores jazidas de sal estão no Rio Grande do Norte, Piauí e no Rio de Janeiro. Assim como as maiores reservas de calcário estão no Mato Grosso do Sul, em Minas e na Bahia. Porém, os estados de Minas Gerais e o Pará,possuem as maiores e principais reservas do país. São elas :Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.

4-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
R: O ferro é o principal minério destinado à exportação no Brasil, sua extração ocorre especialmente em Minas Gerais, no Quadrilátero Ferrífero; no Pará, na Serra dos Carajás; e no Mato Grosso do Sul, no Maciço do Urucum. Atualmente a produção é de aproximadamente 235 milhões de toneladas ao ano, o país ocupa o segundo lugar na produção desse minério em nível mundial. A bauxita é extraída na Serra do Oriximiná, no Pará, o estado é o principal produtor e abriga a maior concentração desse minério no país. A produção anual gira em torno de 17,4 milhões de toneladas, figurando como o terceiro maior produtor em escala planetária.
5- Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil?
R: A população diz que vários impactos são previstos com a redução dos níveis da água do rio Xingu como extinção local de espécies, escassez da pesca, aumento de pressão fundiária e de desmatamento, etc. A usina também foi criticada com a privatização, pois indústrias internacionais não se preocupam com os impactos e enquanto as nacionais lutam para reduzir os desastres.

6- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?
R: Dispõe de uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração.

7-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais ?
R: O principal problema é a falta de capital, que tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

8- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
A extração dos recursos minerais leva ao desmatamento ambiental e social. Para a extração é necessário a desmatação de árvores e plantas. É um processo de degradação. A invasão as terras indígenas é muito comum e a invasão de terras particulares também.
b)Mercado ilegal dos diamantes.
Também há um mercado ilegal de diamantes e como aparece naquele pequeno trecho dentro do vídeo tudo é planejado e sempre há uma farsa por trás dos planos.

Diego Arthur - 3º B - Nº 9

Anônimo disse...

1-É um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta, pela Vale . Corresponde no território brasileiro, onde é cortada pelos rios Xingu, Tocantins e Araguaia, e engloba terras do sudeste do Pará, norte de Tocantins e sudoeste do Maranhão.Foi criado pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce. A produção dessa área está voltada para o consumo externo (Japão) e é transportada pela Estrada de Ferro Carajás. Possui a maior reserva de minério de alto teor de ferro do mundo, são explorados manganês, cobre, níquel, ouro, bauxita e cassiterita. A produção mineral dessa área destina - se preferencialmente à exportação , sendo que o abastecimento nacional é feito pela produção do Quadrilátero ferrífero ou central , no estado de Mineras Geais.Esse projeto não busca só o desenvolvimento econômico, mas a estabilidade na região, marcada por conflitos de terra.

2- cerca de 78% da produção brasileira, voltada aos mercados interno e externo.
Destacam-se duas áreas de produção e escoamento do minério:As Jazidas do Vale do Rio Doce: destinam-se
aos mercados interno e externo, sendo a produção escoada pela E.F. Vitória-Minas (da CVRD) até o porto de Tubarão-ES. Asprincipais empresas que atuam nessa área são: Acesita, Belgo-Mineira, Usiminas (mercado interno) e CVRD (mercado externo).
As Jazidas do Vale do Paraopebas: tambémvoltadas ao mercado interno e externo e cuja produção é escoada pela E.F. Vitória-Minas até o porto de Tubarão e pela E.F Central do Brasil até o Rio de Janeiro. As principais empresas atuantes na área são: Cosipa, CSN.

3-Quadrilátero ferrífero,Localizado no estado de Minas Gerais; Projeto Carajás, Localizada no estado do Pará, a Serra de Carajás; Serra do Navio, Localizada no estado do Amapá;Projeto Trombetas, Localizado no estado do Pará, mais especificamente na Serra de Oriximiná, vale do rio Trombetas; Morro do Urucum ,Localizado no estado de Mato Grosso do Sul,mais precisamente no município de Corumbá.

4- Os principais minerais extraidos do territorio brasileiro são: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro,estanho, níquel, manganês, zinco, potássio.

5- A construção da usina de Tucuruí desalojou comunidades, inundou enormes extensões de terra e destruiu a fauna e flora daquela regiõe. Além dos bilhões envestidos. Por isso essas questões continuam a ser repisadas pelos movimentos sociais que atuam na região, como por exemplo, o Movimento Xingu Vivo para Sempre, criado recentemente, e que reúne os que levam adiante a batalha contra a construção de Belo Monte e de outras hidrelétricas no Rio Xingu.Assim continua sendo alvo de criticas por serve de exemplos para que não haja novas contruções.

6-O Brasil é um país privilegiado em recursos minerais. Alguns são abundantes (minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita); outros são mais escassos (cobre, prata, urânio, chumbo). No conjunto, dispõe de uma grande variedade e quantidade de minerais.
O Brasil possui 36% de sua superfície constituída por escudos cristalinos, no entanto os minerais metálicos estão presentes somente em cerca de 4% desses terrenos que se formaram na Era Proterozóica e onde predominam rochas metamórfícas. Minério de ferro está entre os cinco principais itens exportados pelo Brasil, e é o mineral mais explorado.

7-O aproveitamento desses recursos é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. A falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros.

8-a)A exploração mineral apesar de um importante auxiliu na economia brasileira , resulta em desmatamento e destrição do ecossistema e contaminação, também exploração do trabalhador. Esses minerais possuem várias ultilidades.
b) Os organismo possuem o controle do mercado , mantendo esse produto estocado para mante-lo fora do mercado para continuar com o alto valor.
aluna:joyse nogueira foss
nº 19 3ºB

Anônimo disse...

Carlos H. nº7 3ºB

1- Projeto Carajás foi iniciado em 1980, é um projeto que visa a exploração mineral no Brasil, criado na considerada área mineral mais rica do mundo,garante ao Brasil grande exportação e crescimento com a exploração dos minérios como ferro, manganês, cobre, níquel e bauxita.

2- A maioria do que é extraído vai para os EUA, Japão e União Europeia, é responsável por 80% da produção nacional, em que de 60% a 70% dessa produção é direcionada para exportação.

3- As principais jazidas minerais do país estão situadas na Serra dos Carajás - Pará, Vale do Trombetas - Pará, Quadrilátero Ferrífero - Minas Gerais , Maciço do Urucum - Mato Grosso do Sul

4- Minério de ferro, a bauxita, manganês, cassiterita, ouro, nióbio, prata e o cobre.

5- Pois com a construção da usina de Tucuruí vem também impactos ambientais e sociais, causados pelo aumento da exploração, é conseqüência do aumento da necessidade de energia de acordo com o progresso da tecnologia.

6- Aproximadamente 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil, além de possuir uma das maiores reservas de minerais do mundo, o Brasil tem grande capacidade de exportação, competindo com muitos outros países mais desenvolvidos como Austrália, Canadá, China e Estados Unidos.

7- A natureza é a que mais sofre com tudo isso, a grande necessidade de exploração acaba por muitas vezes causando desmatamentos e a exploração indevida ou ilegal até mesmo, em que deve ser necessário uma aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM)

8- a) a extração desses recursos traz muitos problemas sociais e ambientais, em que o processo de desmatamento afeta muito o local, dejetos ( em locais que se utiliza o Mercúrio) podem afetar rios, lagos e até mesmo lençóis freáticos afetando muitas vezes populações próximas.
b)existe uma investigação sobre um suposto esquema em que leva a exploração ilegal de diamantes, também envolvendo lavagem de dinheiro, com um envio de cerca de 89 milhões de reais, esse mercado negro acalmou-se após a várias blitz e orgãos ambientais buscando respostas.
b)

Anônimo disse...

Lucas Caldas N°24 2°C 3°B

1- A extração de minérios da Serra dos carajás é uma atividade econômica muito importante para o Brasil. Gera milhões de dólares ao ano. o projeto veio para organizar, e agilizar a extração mineral, realizada principalmente pela empresa VALE ( ex Vale do Rio Doce). È de grande importância pois transforma a atividade da mineração ( que é de suma importância para um país desenvolvido) em algo organizado, rápido e eficiente.

2- Maior parte é para o mercado externo, visto que o Brasil não é um enorme pólo tecnológico, apesar de ter sim algumas empresas de manufatura. Países mais "desenvolvidos" como Estados Unidos, Europa e Japão, compram grande parte da produção de minérios do Quadrilátero. O transporte do minério é feito a partir da Estrada de ferro Vitória-Minas ( para o porto de Tubarão no ES) e a Estrada de ferro Central do Brasil que liga ao Rio de Janeiro.

3- Manganês e Ferro: Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) e Serra dos Carajás (Goiás) e Maciço do Urucum (Mato Grosso do Sul).
Bauxita: Serra do Oriximiná no Pará
Nióbio: Minas Gerais e Goiás.

4- Ferro ~ Manganês ~ Bauxita ~ Ouro ~ Nióbio ( utilizado na fabricação de turbinas e computadores)

5- A usina desalojará muitos indígenas ( aldeias inteiras ) e tomará grande parte do seu território. Divulgado em relatório da ONU a importância da defesa desses povos: "ONU diz que 90% dos idiomas indígenas desaparecerão em 100 anos". A ONU ainda divulgou que a interrupção do fluxo d'água geram doenças aos povos que habitam as regiões próximas: [...]A água parada gerou uma praga de mosquitos e um aumento expressivo na incidência de malária sobre as comunidades indígenas da região[...]

6- Somos um grande extrator de minérios, porém vendemos quase tudo o que extraímos e desenvolvemos muito pouca tecnologia para manufaturar estes minérios. Por esse motivo vendemos barato e compramos caro, trabalhando com uma balança comercial muito ruim.

7- O transporte, por haverem poucas ferrovias eficientes, e pela transporte rodoviário ser arriscado, lento, e ineficiente para a quantidade de carga extraída.

8- A) A extração mineral em geral agride o meio ambiente, seja pelo desmatamento, erosão do solo, dejetos químicos, poluição. Assim como afeta a vida dos moradores próximos, em geral os indígenas.

B) Grandes mineradoras controlam o preço dos minérios, assim como no caso mostrado no filme o preço do diamante é controlado por grande grupos. Outro fator é o mercado ilegal de diamantes que movimenta muito dinheiro. Sonegando impostos, e muitas vezes com peças roubadas.

Anônimo disse...

Júlia Moser nº15 3ºA - EM

1- O Projeto Grande Carajás foi feito na década de 70. Com a exploração dessas riquezas como minério de ferro, ouro, estanho e bauxita, o Brasil, contribui para a emancipação econômica do país e ainda, a exploração de recursos agroflorestais, extrativistas, agropecuários, além do aproveitamento do potencial hidrelétrico de alguns rios amazônicos.
2- A produção tem como maior parte a exportação e ainda é comercializado a preços baixos. Além de as empresas mineradoras ja serem de países como Estados Unidos, Canadá, Japão e Europa, não trazendo lucros relevantes para o Brasil. As duas vias de escoamento são a estrada de Ferro Vitória-Minas, que faz a ligação com o porto de Tubarão, nas proximidades da capital do Espírito Santo.
3- Quadrilátero Ferrífero Em Minas Gerais, o Quadrilátero Ferrífero , no Pará, a Província Mineral de Carajás, em Mato Grosso o Maciço do Urucum e Vale do trombetas no Pará.
4- Os principais são: ferro, bauxita, manganês e nióbio.
5- Porque além dos impactos ambientais como a perda de ecossistemas naturais e as emissões de gases estufa, a grande quantidade de água parada decorrente do alagamento da usina, provoca a proliferação dos mosquitos e um aumento expressivo na incidência de malária sobre as comunidades indígenas da região, afirma um relatório da ONU.
6- O Brasil é um país rico em recursos minerais pois tem um imenso território com vários terrenos com diferentes idades geológicas.
7- Pois pela falta de tecnologia e de outros recursos, o Brasil é obrigado a deixar outros países explorar esses recursos. Além da degradação dos povos indígenas e do ambiente.
8- a) Apesar de seu importante auxilio na economia brasileira, a exploração mineral causa um grande risco ambiental e social, com desmatamento, destruição e contaminação de ecossistemas; invasões em áreas indígenas, terras particulares e exploração ao trabalhador
b) O lucro da exploração ilegal de diamantes, é dividido entre os garimpeiros proprietários das máquinas e os caciques. Hoje, não há uma boa estratégia para enfrentar esse crime que envolve até os índios, que não podem explorar suas terras desde 2004, isso, mesmo com a presença da Polícia Federal. A fiscalização está impossível.

Anônimo disse...

Pedro Rafihi Peixoto - nº35 3B

1-O que representa para o Brasil o Grande Projeto Carajás? Quando foi criado?
A serra dos Carajás no Pará, possui a maior reserva de minério de ferro do mundo, com isso, o Brasil inaugurou em 1985 uma ferrovia que liga essa região ao porto de Itaqui, em São Luís no Maranhão. Esse projeto foi um método para a exportação do minério de ferro brasileiro. O principal consumidor desse ferro é o Japão.

2- Quais os principais destinos do minério de ferro extraído do Quadrilátero Central ? E quais as duas vias de escoamento?
Os principais destinos são: EUA, Japão e União Europeia. O Quadrilátero Ferrífero é responsável por cerca de 80% da produção de ferro do Brasil, sendo que 60 a 70% deste, é destinado à exportação.

3- Localize os estados e as principais jazidas minerais do Brasil:
Os que possuem maiores e principais reservas de ferro são os estados: PA e MG. Manganês: PA, MG e MS. Bauxita: PA. Ouro: MG. Nióbio: MG. Cobre: BA e RS. Chumbo: MG e TO. Níquel: GO. Tungstênio: RN. Estanho: AM e PA.

4-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
Ferro, manganês, bauxita, ouro, nióbio, chumbo, cobre, níquel, tungstênio e estanho.

5- Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil?
Por ter gerado o projeto AibrasAlunorte, que não é controlado só pelo Brasil.

6- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?
O Brasil é bastante forte em recursos minerais, principalmente no ferro, onde detém a maior reserva mundial. Porém muitas vezes por falta de recursos e conhecimento, os estrangeiros participam cada vez mais da exploração.

7-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais ?
Falta de conhecimento e de recursos financeiros.

8- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
A extração mineral é de bastante importância para o ser humano, pois através dela conseguimos elementos vitais como a água, e elementos econômicos, como o ouro, diamante entre outros. Porém muitos realizam a extração de uma forma errada, explorando o trabalho de outras pessoas, e desgastando o meio ambiente.
b)Mercado ilegal dos diamantes.
Organizações de diamantes extraem os mesmos de lugares como Serra Leoa, porém, pagam a alfândega para se certificar que os diamantes foram extraídos em outro lugar. Sendo assim a exportação fica liberada. Os diamantes no mundo ficam estocados secretamente, onde as organizações de diamantes que determinam um preço. Funciona como um cartel.

Anônimo disse...

MARINA ERTHAL - 3º B - 29


1- O Projeto Carajás foi criado pela Vale em 1980, representa um desenvolvimento maior para a região norte, trazendo empresas multinacionais.
2- A maior parte da produção vai para União Européia, Estados Unidos e Japão.
3- As principais são: Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) e Serra dos Carajás (Pará)
4- Minério de Ferro, Manganês, Bauxita, Cassiterita, Ouro, Nióbio, Urânio e Tório.
5- O governo criou a usina com o objetivo de aumentar o desenvolvimento daquela região e até hoje afirma que isso ajudo no processo de industrialização do país, só que a população afirma que por causa da construção da usina houveram diversos impactos que já eram previstos como a redução dos níveis do rio Xingu, aumento do desmatamento e a extinção de espécies. Muitas críticas sobre a privatização que as impresas não se preocupam com os desastres.
6- O Brasil é rico no quesito recursos minerais, mas não temos a tecnologia necessária ou até mesmo o capital para investimentos fazem com que essas empresas tenham que ser privatizadas.
7- Pela falta de capital o Brasil acaba deixando os recursos nas mão de empresas estrangeiras, causando principalmente diversos impactos ambientais.
8- A)a extração ambiental causa danos ao meio ambiente, além de explorar os trabalhadores
b) o comerico ilegal de diamantes aqui é muito grande porque ele é raro e extremamente caro, além de que aqui ele se encontra em abundancia.

Anônimo disse...

Laura Martendal Rodrigues
3º A - nº: 17

1- Um geólogo a serviço da empresa norte-americana United States Steel descobriu em 1967, e o Projeto Grande Carajás (PGC) foi lançado no fim do ano de 1970 e teve por objetivo realizar a exploração integrada e em alta escala dos recursos minerais dessa província mineralógica, que é considerada a mais rica do mundo (possui minério de ferro, ouro, estanho, bauxita - nome dado ao minério de alumínio -, manganês, níquel e cobre).

2- O minério de ferro bruto (hematita, itabirita, magnetita, pirita) possui grande importância econômica mundial porque é a matéria-prima básica do aço (liga) utilizado nas estruturas de indústrias, edifícios, hotéis, estádios, aeroportos, pontes e shoppings, etc, além de inúmeros outros usos. Os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas. A maior parte da produção é exportada para os Estados Unidos, Japão e União Européia.

3- As principais jazidas minerais do país estão situadas na Serra dos Carajás/PA (minério de ferro, manganês), Vale do Trombetas/PA (bauxita), Quadrilátero Ferrífero (minério de ferro, manganês), Maciço do Urucum/MS (minério de ferro, manganês). Minério de Ferro : Principais áreas produtoras de minério de ferro estão localizadas no Quadrilátero Ferrífero Central (MG), responsável por aproximadamente 80% da produção nacional. Também a Serra dos Carajás (PA), localizada no Sudeste do Pará, possui a maior reserva mundial de minério de ferro do mundo e é a segunda principal área produtora do país.

(as outras questões estão respondidas no outro comentário)

Anônimo disse...

Laura Martendal Rodrigues
3º A - nº: 17

4- Manganês : As maiores reservas estão na serra dos Carajás (PA), no Quadrilátero Ferrífero (MG) e no maciço do Urucum (MS). A maior produção ocorre no Amapá (cerca de 60% do total produzido no país). Mais uma vez o Brasil está entre as maiores produções mundiais.
- Bauxita : A principal e maior jazida nacional encontra-se no vale do rio Trombetas, afluente do rio Amazonas, em Oriximiná, no Pará. A Companhia Vale do Rio do Norte (CMRN) é a maior produtora mundial particular de bauxita.
- Cassiteríta: Do minério da cassiterita é extraído o estanho. Mais uma vez o Brasil está entre os principais produtores mundiais. Atualmente, a produção brasileira de cassiterita concentra-se nos estados de Rondônia, Amazonas e Pará.
- Ouro : O Brasil está entre os principais produtores mundiais e entre os que têm as maiores reservas mundiais. Minas Gerais é o maior produtor nacional.
- Nióbio : O Brasil é responsável por mais de 90% da produção mundial desse mineral. A maior reserva está em Minas Gerais, próximo à cidade de Araxá.
Minerais radioativos
- Urânio : hoje escasso, é encontrado em Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero e Poços de Caldas) e no Ceará. Recentemente, foi localizada no Pará uma grande reserva de urânio, na região da cidade de Santarém. Calcula-se que seja a maior do mundo
- Tório : (Importante combustível de reatores nucleares), também escasso, é encontrado principalmente no Espírito Santo e no Rio de Janeiro.

5- A usina de Tucuruí segue com algumas irregularidades, foi elaborado um relatório que aponta "o comprometimento da dieta alimentar a jusante de Tucuruí, com a redução da agricultura de várzea e dos estoques pesqueiros" e a interferência na tradição dos índios Asuriní. A Eletronorte diz que a produção pesqueira do reservatório aumentou e que o projeto é referência no setor na questão indígena.

6- O Brasil é o quinto maior país do mundo em área descontínua: tem 1,7% das terras emersas e ocupa 47% da América do Sul. Se forem consideradas apenas as áreas contínuas, ele passa a ocupar a 4a posição, já que os Estados Unidos possuem dois territórios externos: Havaí e Alasca.

7- No caso do Brasil, a política ambiental brasileira nasceu e se desenvolveu nos últimos quarenta anos como resultado da ação de movimentos sociais locais e de pressões vindas de fora do país. Do pós-guerra até 1972 – ano da Conferencia de Estocolmo –, não havia propriamente uma política ambiental, mas sim, políticas que acabaram resultando nela. Os temas predominantes eram o fomento à exploração dos recursos naturais, o desbravamento do território, o saneamento rural, a educação sanitária e os embates entre os interesses econômicos internos e externos. A legislação que dava base a essa política era formada pelos seguintes códigos: de águas (1934), florestal (1965) e de caça e pesca (1967). Não havia, no entanto, uma ação coordenada de governo ou uma entidade gestora da questão.

8- A extração mineral pode causar inúmeros impactos ambientais e sociais. Dejetos do processamento dos minérios podem contaminar o lençol freático e os mananciais (rios e lagos usados para o abastecimento de água). A garimpagem do ouro utiliza mercúrio, pois esse elemento reage quimicamente com o ouro e forma um amálgama (isto é, o ouro se liquefaz como o mercúrio). Para separá-los, a mistura é aquecida e o mercúrio evapora, poluindo o meio ambiente. Uma parte do mercúrio (que provoca danos graves ao ambiente e à saúde da população) permanece misturada com a lama e é jogada diretamente nos rios.
Os diamantes estão sendo vendidos no mercado negro para ganhos pessoais e partidários, com alguns líderes do partido ganhando e outros excluídos. O saque intensificou-se nos últimos seis meses.

Anônimo disse...

1-O que representa para o Brasil o Grande Projeto Carajás? Quando foi criado?
O projeto foi criado no final da década de 1970, e no o Brasil este projeto atua de duas formas, uma beneficiando o país pelos minérios pois são vários, como ferro, ouro, estanho, bauxita, manganês, níquel e cobre. Mas também prejudica o Brasil, pois a exploração da bauxita causa poluição ao meio ambiente, pois as indústrias responsáveis pela sua purificação estão jogando rejeitos poluentes ocasionando a sedimentação e prejudicando a vida aquática, como já está ocorrendo no vale do rio Trombetas.
2- Quais os principais destinos do minério de ferro extraído do Quadrilátero Central ? E quais as duas vias de escoamento?
Os minérios tem grande importância para a construção civil e agricultura (corretivo do solo), mas também são muito voltados para a exportação, alguns país como Canadá, Estados Unidos, Chile, Ucrânia, Venezuela. As principais vias de escoamento são a estrada de ferro Vitória-Minas e o porto exportador de tubarão, no espírito santo.
3- Localize os estados e as principais jazidas minerais do Brasil:
- Quadrilátero Central ou Ferrífero, integrado pelos municípios de Mariana, Congonhas, Santa Bárbara e Sabará, em Mina Gerais
- Maciço de Urucum, no Pantanal Mato-Grossense, Mato Grosso do Sul
- Serra dos Carajás, no estado do Pará.

4-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
Ferro, bauxita e manganês

5- Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil?
É criticada pois deveria abastecer o mercado interno, não o externo, pois transforma a bauxita em alumínio.

6-- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?
O Brasil dispõe de grande quantidade de minerais, sendo que é o país que mais possui a bauxita, porém esses minerais não são devidamente explorados, o seu capital é precário, dando espaço a outra empresas de fora, o que não favorece o Brasil.

7-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais ?
- Falta do capital para comprar esses recursos: Sendo assim, se torna algo precário, e aumenta a participação dos grupos estrangeiros na extração.
- Falta de conhecimento nas reservas: Isso ocasiona as poucas extrações nos minérios.
- Exploração de maneira indevida: Prejudicando a natureza além do que já é afetada.

8- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
Causa o desmatamento e a poluição de ecossistemas, além de afetar áreas indígenas, ivadir terras privadas e a exploração do trabalhador.

b)Mercado ilegal dos diamantes.
Os diamantes são armazenados, como estoques, e vendidos por um preço maior. As chamadas pedras "sujas" são levadas ilegalmente a um lugar onde se misturam com pedras "limpas", elas se misturam e são vendidas igualmente. Assim, possuindo o controle do mercado.

Nome: Camila Pretto
Nº 06 3ªº A

Ana Luísa nº 02 - 3ªº A disse...

1-O Grande Projeto Carajás faz com que o Brasil possua a maior reserva mundial de minério de ferro do mundo e ser a segunda principal área produtora do país. É responsável pela exploração de muitos minérios(minério de ferro, ouro, estanho, bauxita - nome dado ao minério de alumínio -, manganês, níquel e cobre).
Foi criado pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce, durante o governo Figueiredo, quando Eliezer Batista era presidente da Vale.
2- O principal destino do minério é o mercado interno, composto em grande parte pelas siderúrgicas e metalúrgicas. As vias de escoamento são as ferríferas e terrestres presentes a todo momento fazendo a circulação e escoamento do minério de ferro.
3- Os estados de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) e Pará (serra dos Carajás) possuem as maiores e principais reservas.
4- Bauxita (fabricação de carros, aviões, portas, etc); Ouro (fabricação de jóias, tratamento dentário, etc); Minério de Manganês (para a indústria siderúrgica); Nióbio (fabricação de fios supercondutores, turbinas de aviões, etc); Estanho (utilizado em liga com chumbo para realizar a solda usada na eletrônica, em objetos de decoração); Chumbo (remédios, proteção de raio-x); Cobre (condutor elétrico); Calcário (usado na fabricação de cimento, cal, vidro, etc); Urânio e Tório (combustível de reatores nucleares).
5- A construção da usina de Tucuruí traz impactos socioambientais causados pelo aumento da exploração do meio ambiente que vem crescendo a cada dia que passa e tem como consequência o aumento da necessidade de energia trazido pelo progresso tecnológico.
6- O Brasil é um país muito rico em recursos minerais. Alguns em grande quantidade (minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita); outros nem tanto (cobre, prata, urânio, chumbo). Em geral, é captada uma grande variedade e quantidade de minerais, mas o grande problema é que o aproveitamento dos recursos minerais é prejudicado pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a sua exploração. Com a falta de capital, muitos grupos estabelecidos pelo governo para extrair os minerais estão sendo privatizados (vendidos) para grupos de países estrangeiros e os recursos – cujo pertenciam a nós – acabam sendo um benefício internacional.
7- A exploração de minerais no Brasil vem enfrentando um grande problema: A privatização de empresas que captam os minerais. Podemos pegar como exemplo a Companhia Vale do Rio Doce, que foi privatizada em 1997, atualmente é a maior exploradora de minério de ferro no Brasil e está entre os maiores exportadores do mundo. Toda essa grande exploração e todos os recursos estão beneficiando países estrangeiros. Os grupos Shell (Inglaterra e Holanda) e Alcoa (Estados Unidos) também participam ativamente da exploração de minerais brasileiros.
8- a)A Extração mineral pode ser um auxílio para a economia,mas ela causa um grande risco ambiental por que desmata, destrói e contamina as áreas exploradas, além de invadir propriedades indígenas e terras particulares e explorar o trabalhador.
b) No Brasil acontece em grande escala o comercio ilegal de diamantes pois além de ser um minério caro, é difícil de se encontrar e muitas pessoas lucram e faturam em cima disso. O minério em grande abundância está presente no Brasil e muitas são as denúncias de venda ilegal deste minério, fazendo com que este benefício nacional passe a ser um malefício.

Anônimo disse...

Gabriel Henrique - nº10 - 3ºB EM
1 – O Grande Projeto Carajás foi iniciado em 1980 pela Vale. O projeto refere-se a uma das maiores áreas de exploração de minérios do mundo chegando a estender-se a 900 mil km². Por essa reserva estar situada no Brasil ela se torna de grande importância para a economia do país. Uma vez que os preços do minério de ferro, principal riqueza de Carajás além do manganês, cobre, níquel, ouro, bauxita e cassiterita, tem se elevado constantemente por causa da demanda dos países emergentes como a China.
2 – O quadrilátero ferrífero além de ser responsável por cerca de 80% da produção nacional também é destinado em grande parte para a exportação. Do percentual exportado parte vai para os Estados Unidos, Japão e União Européia. O minério extraído é transportado através da Estrada de Ferro Vitória-Minas até os terminais do Porto de Tubarão, em Vitória, capital do Espírito Santo.
3 – O subsolo brasileiro pode ser considerado muito rico devido aos recursos que dele provém. Minerais provenientes de grandes jazidas como a Serra dos Carajás (PA), Vale do Trombetas (PA), Maciço de Urucum (MS) e do Quadrilátero Ferrífero Central (MG) servem tanto para o abastecimento nacional quanto para exportação.

4 - Os principais minérios encontrados no Brasil são: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro,estanho, níquel, manganês, zinco, potássio, entre outros.

5 – A construção da usina gerou diversos males. Segundo a ONU, para a construção da usina uma área de mais de 2 mil km² foi alagada, fazendo com que diversas pessoas tivessem que ser retiradas do locas, incluindo indígenas. Outro fator alegado pela ONU é uma praga de mosquitos que se instalou nas imediações do locas por causa da água parada.

6 – O Brasil possui uma grande diversidade mineral em seu território. Cerca do 8% do ferro do mundo encontra-se em nosso território nacional, sendo ele o principal minério extraído no país. Além disso, a partir de regras pré estabelecidas, os prejuízos ambientais gerados a partir da extração dos minerais não são de alto nível, fazendo assim que o Brasil seja um país de grande potencial mineral, sem agredir o meio ambiente.
7 – Atualmente o Brasil enfrenta problemas relacionados à falta de recursos tecnológicos para a exploração dos minerais, além de abrirem demasiadamente espaço para empresas multinacionais fazerem uso de nossos minerais sem pagarem o devido valor. Dessa forma a economia nacional não se estabelece de forma adequada e no fim, quando um produto importado entra em nosso país, nós, consumidores finais, acabamos pagando alto valor em matérias de origem nacional.
8 –
a) Mesmo existindo um conjunto de regras que administram a extração de minerais, ainda assim ocorrem diversas irregularidades que não só colocam o meio ambiente em risco como também quem trabalha fazendo a extração em si. Muitos materiais usados são tóxicos e mesmo assim descartados sem qualquer preocupação, distinção ou tratamento diretamente ao meio ambiente, fazendo com que o solo, a água e até mesmo o ar local se torne impróprio para diversas espécies, inclusive para o homem.

b) Alguns mercados de pedras preciosas, como por exemplo, o de diamantes, são controlados por organizações que deixam os minerais extraídos em cofres para que as pedras continuem com alto valor. Assim, tornando-as caras, elas lucram cada vez mais, e consequentemente pondo diversas outras pessoas em trabalhos “escravos” a procura dos minerais que são ditos por eles como raros.

cAROLINA 08 3b disse...

Carolina 08 3B

1)Representa para o Brasil uma melhoria na economia já que tem como objetivo a exploração em larga escala dos recursos minerais existentes em Carajás, no Para, que possui a maior reserva de minério de ferro do mundo. Com investimentos constantes dá a oportunidade ao país de conquista do mercado internacional. O Projeto Carajás foi criado no ano de 1970.
2) Quadrilátero Ferrifero é uma região localizada em Minas Gerais, formada pelas principais cidades mineradoras da região. Os mineirais mais extraídos são: manganês, bauxita, nióbio, ouro, entre outros. Esses minérios são 70% destinados a exportação (maioria Japão, União Européia e EUA), enquanto os 30% atendem a demanda interna. O escoamento do minério se dá pela Estrada de Ferro Vitória-Minas e o porto exportador de Tubarão, no Espírito Santo.
3) Serra dos Carajás (PA) minério de ferro e manganes
Vale do Trombetas (PA)
Maciço do Urucum (MS)
Quadrilátero Ferrífero ou Central (MG) Vale do Trombetas/PA (bauxita)
4)são o minério de ferro, a bauxita, o manganês, a cassiterita, o ouro, o nióbio, a prata e o cobre
5)Pois foi construída antes da Legislação atual que exige estudos do impacto ambiental, e assim retirou mais de 32000 pessoas de suas casas, que já moravam nesses territórios, e estes lutam a 25 anos para garantir seus direitos. Mas a empresa declarou concluída as indenizações, e muitas famílias não receberam até hoje o dinheiro pela sua terra, muitos destes não possuem energia elétrica em casa. Manifestam-se então exigindo seus direitos, sendo que alem disso houve a perda da florestas e de animais, desaparecimento da pescaria, proliferação de mosquitos acentuando a malaria, enfim, são inúmeras as denuncias.
6)E 7) As empresas que comandam esse mercado, fazem do capitalismo, uma forma de desrespeitar uma sociedade. Com exploração dos recursos mineirais, não há limites para poderosos. Florestas são o de menos, é só destruí-las, pessoas, tirem – as de suas terras, elas terão um lugar para ir. Com certeza os problemas seriam menos exorbitantes com a fiscalização, e cobrança por porte da sociedade e política.
8)A) a extração mineral trás ao meio ambiente uma serie de prejuízos. O mercúrio é um metal acumulante no organismo dos animais, e os minerais muitas vezes são lavados em águas de rios, que contaminam peixes, que contaminam as pessoas, prejudicando um ciclo por completo.
B) A venda de diamantes é como qualquer outra venda que envolva muito dinheiro, pessoas querendo se aproveitar da situação dos menores.

Anônimo disse...

Lisandra Martins. 3ºB nº:22.

1 - O Projeto Grande Carajás foi lançado no fim da década de 1970 e teve por objetivo realizar a exploração integrada e em alta escala dos recursos minerais dessa província mineralógica, que é considerada a mais rica do mundo,possui minério de ferro, ouro, estanho e entre outros.Sua importância para o Brasil é devido a maior reserva de ferro do mundo, descoberta na serra dos Carajás, que hoje é uma "província mineral", uma vez que na área da serra descobriram existir não só ferro, mas jazidas de outros minerais, como manganés, cobre, alumínio, niquel, estanho, cobalto e entre outros.

2-Quadrilátero Central dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.São utilizados para exploração ou aproveitamento, propriedade do produto da lavra, utilizando de maneira correta para que não cause prejuízos ao meio ambiente, ou com o não cumprimento da legislação.

3- As principais jazidas minerais do Brasil são : As riquezas minerais do Centro-Oeste são ainda mal conhecidas, mas mesmo assim a região se projeta como possuidora de excelentes reservas de ferro, manganês, níquel, cristal de rocha, ouro e diamante. O ferro e o manganês são encontrados em um grande bloco de rochas cristalinas.As riquezas minerais do Sul ,destacam-se o carvão mineral, o caulim, matéria-prima que abastece fábricas de azulejos e louças , a argila e o petróleo, explorado na plataforma continental. As riquezas minerais do Norte baseiam-se na prospecção e extração de minerais metálicos, como ouro , diamantes, alumínio, estanho, ferro , manganês e níquel na Serra do Navio. Extração de petróleo e de gás natural do campo de Urucu. O que o tornam o terceiro maior produtor de petróleo do Brasil. As riquezas da regiao Nordeste são petróleo e gás natural.As riquezas da região sudeste. É a maior produtora de aço bruto do país. Há também a extração de petróleo e gás natural na Bacia de Campos e betume.

4-Atualmente, os principais minérios extraídos no Brasil são: ferro, bauxita (alumínio), manganês, nióbio. O Brasil é o segundo maior produtor de ferro do mundo, com cerca de 235 milhões de toneladas. São extraídos em jazidas localizadas no Quadrilátero Ferrífero, em Minas Gerais; na Serra dos Carajás, no Pará; no Maciço do Urucum, no Mato Grosso do Sul. O ferro é o principal componente na fabricação do aço, terceiro na produção de bauxita e o segunda na produção do manganês

5- Causa vários impactos ambientas, e para a população que vive neste local, alterando a qualidade de vida,alteração nas atividades econômicas, inundação de áreas com vegetação e florestas nativas, perda da fauna e da flora.

6- O Brasil é muito rico em recursos minerais,além da grande diversidade de minerais explorados no país, possuindo uma das maiores reservas do mundo.proximadamente 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil, sendo esse o principal minério extraído no país. Outro mineral, o nóbio, tem suas maiores reservas ocidentais no Brasil. Os principais minérios encontrados no Brasil são: ferro, bauxita, cobre, cromo, ouro, estanho, níquel, manganês, zinco, potássio, entre outros.

7-áreas exploradas sofrem modificações irreversíveis, altera o relevo e retira a cobertura vegetal, podendo causar grandes erosões, a poluição hídrica, do solo e sonora. A utilização de produtos químicos contamina o solo, alterando suas propriedades. As chuvas arrastam esses produtos químicos para os rios, que também se contaminam. Durante o processo de infiltração da água, o lençol freático é atingido por essas substâncias.

8-Extração mineral causa um grande impacto ambiental, desmatamento, contaminação do ecossistema, invasões em áreas indígenas.O mercado ilegal dos diamantes, estocam para deixar fora do mercado mantendo assim o preso alto e exportando diamantes ilegalmente.

Anônimo disse...

Nome:Amanda Regina Müller 03 3ºB
1-O que representa para o Brasil o Grande Projeto Carajás? Quando foi criado?
O projeto se iniciou na década de 1980.Foi importante para atrair financiamentos e investimentos internacionais para que ajudasse a economia brasileira.
2- Quais os principais destinos do minério de ferro extraído do Quadrilátero Central ? E quais as duas vias de escoamento?
é explorado pelo no Vale do Rio Doce e pela estrada de ferro Vitória-Minas onde o ferro ao Rio de Janeiro para ser exportado.É exportado para os Estados Unidos, Japão e União Européia
3- Localize os estados e as principais jazidas minerais do Brasil:
As principais são o quadrilátero Ferrífero e a Serra do Carajás. Estados de Minas Gerais,Sudeste do Pará
4-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
minério de ferro, manganês, bauxita, cassiterita
5- Porque a construção da usina de Tucuruí, continua sendo alvo de críticas no Brasil? Acabará com as pequenas ilhas.Grande parte do metal transformado vai ser usado para o meio externo e grande energia vai ser desperdiçada.

Anônimo disse...

João Henrique Albino de Carvalho 13 3ºA

1- Programa Grande Carajás, é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta, pela Vale (antiga CVRD). Estende-se por 900 mil km², numa área que corresponde a um décimo do território brasileiro, e que é cortada pelos rios Xingu, Tocantins e Araguaia, e engloba terras do sudeste do Pará, norte de Tocantins e sudoeste do Maranhão. Foi criado pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce, durante o governo Figueiredo, quando Eliezer Batista era presidente da Vale.

2- O estado de Minas Gerais (Quadrilátero Ferrífero) possue as maiores e principais reservas. A maior parte da produção é exportada para os Estados Unidos, Japão e União Européia. Principais áreas produtoras Quadrilátero Ferrífero Central (MG). Localizado entre os municípios de Belo Horizonte, Mariana, Santa Bárbara e Congonhas do Campo, o Quadrilátero Ferrífero é responsável por aproximadamente 80% da produção nacional; 60 a 70% do minério de ferro produzido nessa área é destinado à exportação. O minério de ferro exportado é transportado pela Estrada de Ferro Vitória-Minas, que liga o Quadrilátero ao porto de Tubarão, em Vitória, Espírito Santo, e pela Estrada de Ferro Central do Brasil, que liga o Quadrilátero ao porto de Sepetiba, no Rio de Janeiro.


3- Pará com a Serra dos Carajás, Oriximiná, Serra Pelada, maciço de urucum no mato grosso do sul, serra do navio, no Amapá, Quadrilátero Ferrífero em Minas Gerais, dentro outros.

4- Os principais minerais metálicos encontrados no Brasil são o minério de ferro, a bauxita, o manganês, a cassiterita, o ouro, o nióbio, a prata e o cobre. chumbo, níquel, tugsténio, estanho, sal, calcario, uranio e tório.

5- É importante ressaltar que a construção da barragem interrompeu o curso da Hidrovia Tocantins-Araguaia, um trecho vital para o escoamento da produção do Centro-Oeste do Brasil. O desnível deve ser vencido pelas Eclusas de Tucuruí cuja construção foi iniciada em 1981 e por falta de recursos encontrava-se incompleta. O Governo Federal concluiu esta obra em novembro de 2010, criando uma alternativa para o transporte de produtos até o Porto de Vila do Conde. Sem falar nos seus grandes impactos ambientais e sociais.

6- Esta dentre os maiores exportadores, produtos e reservas do mundo. Proporcionando sempre um ótimo retorno financeiro, mas como esta no poder de empresas privadas, a parte destinada ao estado é muito baixa.

7- A exploração por empresas privadas. E como as explorações ja estão sendo feitas a anos, os recursos estão acabando. deixando os locais totalmente destruidos.

8- a) A extração dos minérios brasileiros foram iniciadas no século XVll em Minas Gerais com a descoberta do ouro. Com séculos de extrações, as áreas estão destruidas, o meio ambiente totalmente prejudicado, morros sumiram do mapa, matas devastadas e muito mais. O impactos são muito mais que ambientais, tem toda a parte social, reservas indígenas e cidades desabitadas, acabando com a historia e habtate de muitas vezes de anos de historias familiares.

b) Os diamantes são extraídos, ilegalmente exportados, armazenados e refinados. As grandes empresas liberam poucas unidades no mercado, fazendo com que o seu valor continue sempre elevado.

Anônimo disse...

Roger G. Bittencourt (38) -3˚B

1. Foi inaugurado em 1985, é um projeto que promove um certo desenvolvimento na região norte do país, mas que também colocam a natureza e o povo em situações de risco. No Pará, ele promove exploração de jazidas de minérios (cobre, alumínio, ouro, manganês, zinco, níquel...). Assim, com a maior reserva mundial de minério de ferro do mundo, possui grande índice de exploração, assim como desenvolvimento do mercado nacional, através da produção destinada para o consumo externo (Japão).

2. A maior parte da produção é exportada para os EUA, Japão e União Europeia. As duas vias de escoamento, do Quadrilátero Central, é a Estrada de Ferro Vitória-Minas, que liga o Quadrilátero ao porto de Tubarão, em Vitória (ES) e a Estrada de Ferro Central do Brasil, que liga o Quadrilátero ao porto de Sepetiba (RJ).

3. Serra dos Carajás (PA), Vale do Trombetas (PA), Maciço do Urucum (MS), Quadrilátero Ferrífero ou Central (MG), Ouro Serra Pelada (PA)

4. Ferro, Manganês, Bauxita (Alumínio), Cassiteríta, Ouro, Nióbio, Urânio e Tório

5. Devido, principalmente, aos impactos ambientais e sociais que essa barragem poderia trazer, como a eutrofização das águas (excesso de nutrientes), aumentando a proliferação de microrganismos, gerando epidemias, a mudança climática. Além da fuga em massa das espécies, como foi relatado a fuga de macacos e aves por cientistas durante os dois meses que durou a inundação do lago. Há uma estimativa que apenas 1% das espécies sobreviveram em Tucuruí.

6. O Brasil é um país privilegiado em recursos minerais, alguns abundantes (ferro, manganês, bauxita, cassiterita); outros mais escassos (cobre, prata, uranio, chumbo). Assim, o território nacional possui uma grande variedade e quantidade de minerais, porém o aproveitamento de tais recursos é o que acaba prejudicando pela falta de conhecimento das nossas reservas e de capital para a exploração. Com isso muitos grupos estrangeiros, investem com o poder do capital no território brasileiro, sendo que em todos esses países precisam de uma aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

7. Como dito no item 6, o Brasil possui a matéria-prima, só não sabe como administra-la, tanto pela falta de conhecimento, como pela falta de dinheiro para os devidos investimentos.

8. a) A exploração mineral causa um grande risco ambiental e social, pois resulta em um processo de desmatamento e destruição de muitas áreas da natureza. Causando muitos problemas sócio-ambientais, como a invasão da territorialidade, no caso das terras indígenas, por exemplo. Além da modificação de biomas, assim como o habitat de muitas espécies, trazendo consigo mudanças drásticas e talvez irreversíveis para aquela determinada área, como mudança de clima, poluição, entre outros fatores.

b) Mercado ilegal, se resume na lei da oferta e da procura, enquanto o item for raro, o preço estará mais elevado. Muitos que organizam esse mercado, procuram alternativas para burlar a alfandega e tentar vender os diamantes. Exemplo esse, como o caso de um grupo de exploradores que atravessam a fronteira na Serra Leoa, e os compradores locais levam diamantes até a Libéria, onde eles pagam a alfandega para confirmarem que os diamantes foram extraídos no local, podendo ser exportados legalmente.
Chegando aos compradores, eles classificam. Na Índia, as pedras ilegais se misturam com outras para tentar parecer como uma pedra exportada legalmente.
Os donos controlam a oferta mantendo uma grande procura, assim os diamantes são colocados fora do mercado para que o preço continue alto.

Anônimo disse...

ROBERTA QUARESMA Nº34 3A
CONTINUAÇÃO- Os conflitos sociais pela construção de barragens e pela questão agrária faz com que o Pará seja um dos estados com o maior índice de ameaças de morte e de assassinatos. Segundo dados da CPT, nos últimos três anos foram assassinadas 14 lideranças rurais nessa região, em decorrência da luta pela terra. A última vítima foi Raimundo Nonato, liderança de Tucuruí, brutalmente assassinado na porta de casa, no dia 16 de abril. O setor elétrico brasileiro tem se tornado uma verdadeira fábrica de sem-terras, expulsando as famílias de seus lares, de forma fria e bastante violenta, afirma Rogério Höhn, da coordenação do MAB no estado. As ameaças às lideranças são constantes, advindas dos madeireiros, grandes pescadores e latifundiários da região.
6 – O Brasil é muito rico em recursos minerais. Além de uma grande diversidade de minerais explorados no país (mais de 55 minerais diferentes, atualmente), o Brasil possui algumas das maiores reservas de minerais do mundo. Aproximadamente 8% das reservas de ferro do mundo estão no Brasil, sendo esse o principal minério extraído no país.
7- A exploração de maneira indevida dos minerais acaba prejudicando a natureza. No Brasil a falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).
8 – os recursos naturais auxiliam na economia brasileira, mas causam um grande risco ambiental social, pois resulta nos processos de desmatamento, destruição e contaminação de ecossistemas, alem de invadir áreas indígenas, áreas particulares, etc. Os recursos minerais podem ser classificados em metálicos (como ferro, alumínio, manganês, magnésio, cobre, etc) e não metálicos (como cloreto de sódio, enxofre, fosfato, nitrato, água, etc). No Brasil, um dos principais produtores de minérios, onde está uma das maiores reservas do mundo de minerais, o Quadrilátero Ferrífero em Minas Gerais, Província alcalina do sul do Brasil e a Província mineral de Carajá no Pará, com jazidas de ferro, manganês, cobre e iodo.
Alguns recursos são utilizados na fabricação de jóias como diamante e ouro, e o comércio ilegal de diamantes no Brasil é muito grande, pelo grande interesse das pessoas em lucrar e faturar acima disso, pois é um minério caro e difícil de ser encontrado. Infelizmente algo que deveria ser um benefício, algo precioso e importante se torna um malefício. No trecho do filme mostra: Na Serra Leoa, um grupo de exploradores atravessa a fronteira e os compradores locais levam diamantes até a Monróvia (Libéria). Lá, eles pagam a alfândega para confirmarem que os diamantes foram extraídos no local, assim podem ser exportados legalmente. Chegando aos compradores, eles classificam não fazendo muitas perguntas. Já na Índia, as pedras ilegais se misturam com outras e irá parecer uma pedra exportada legalmente. Os donos controlam a oferta mantendo uma grande procura, os diamantes são colocados fora do mercado para que o preço continue alto. Sendo assim, eles não financiam a luta pelo diamante e sim pagam para ela existir, para eles possuírem o controle do mercado.

Anônimo disse...

VICTOR FELDE 40 3B
7- A exploração de maneira indevida dos minerais acaba prejudicando a natureza. No Brasil a falta de capital tem levado à participação cada vez maior de grupos estrangeiros. Nenhum tipo de exploração pode ser feito sem a aprovação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

8 – os recursos naturais auxiliam na economia brasileira, mas causam um grande risco ambiental social, pois resulta nos processos de desmatamento, destruição e contaminação de ecossistemas, alem de invadir áreas indígenas, áreas particulares, etc. Os recursos minerais podem ser classificados em metálicos (como ferro, alumínio, manganês, magnésio, cobre, etc) e não metálicos (como cloreto de sódio, enxofre, fosfato, nitrato, água, etc). No Brasil, um dos principais produtores de minérios, onde está uma das maiores reservas do mundo de minerais, o Quadrilátero Ferrífero em Minas Gerais, Província alcalina do sul do Brasil e a Província mineral de Carajá no Pará, com jazidas de ferro, manganês, cobre e iodo.
Alguns recursos são utilizados na fabricação de jóias como diamante e ouro, e o comércio ilegal de diamantes no Brasil é muito grande, pelo grande interesse das pessoas em lucrar e faturar acima disso, pois é um minério caro e difícil de ser encontrado. Infelizmente algo que deveria ser um benefício, algo precioso e importante se torna um malefício. No trecho do filme mostra: Na Serra Leoa, um grupo de exploradores atravessa a fronteira e os compradores locais levam diamantes até a Monróvia (Libéria). Lá, eles pagam a alfândega para confirmarem que os diamantes foram extraídos no local, assim podem ser exportados legalmente. Chegando aos compradores, eles classificam não fazendo muitas perguntas. Já na Índia, as pedras ilegais se misturam com outras e irá parecer uma pedra exportada legalmente. Os donos controlam a oferta mantendo uma grande procura, os diamantes são colocados fora do mercado para que o preço continue alto. Sendo assim, eles não financiam a luta pelo diamante e sim pagam para ela existir, para eles possuírem o controle do mercado.

Anônimo disse...

(26) Luiz Henrique R. Almeida - 3 º "B"

1-O que representa para o Brasil o Grande Projeto Carajás? Quando foi criado?
O projeto Grande Carajás foi lançado no final dos anos 70 com a finalidade de explorar recursos minerais dessa mesma província. Na Província Mineral de Carajás, no Pará, pode-se encontrar ouro, prata, níquel, ferro, manganês, cromo, zinco, estanho e outros minérios. Eis o motivo de o Projeto Carajás ter sua importância para o Brasil, sendo fonte de muitas riquezas.


2- Quais os principais destinos do minério de ferro extraído do Quadrilátero Central ? E quais as duas vias de escoamento?
O Brasil é o segundo maior produtor de ferro e esse produto tem como principal destino o mercado exterior e em específico os Estado Unidos, Europa e Japão já que é do ferro que se obtém a liga de aço para a utilização em indústrias e construções em geral. As maiores reservas são encontradas em Minas Gerais e Pará.

3- Localize os estados e as principais jazidas minerais do Brasil:
No Pará, encontra-se ferro, ouro, prata, manganês, cobre, cromo, níquel, bauxita, zinco, tungstênio e estanho na Província Mineral de Carajás e em Minas Gerais, no Quadrilátero Ferrífero consegue-se obter por volta de 60% de todo o ferro extraído no Brasil e 40% do ouro.

4-Pela ordem de importância, coloque o nome dos principais minerais extraídos no território brasileiro?
1. Ferro
2. Manganês
3. Bauxita
4. Zinco
5. Estanho
6. Tungstênio


5- Porque a construção da usina de Tucuruí continua sendo alvo de críticas no Brasil?
A Usina de Tucuruí foi construída sem que tivesse o aval de aprovação do RIMA (Relatório de Impacto Ambiental) e quando o mesmo foi criado já não havia parte de sua necessidade fundamental. Como consequência das atitudes tomadas devido ao tamanho dela, milhares de pessoas tiveram que encontrar outros lugares parar morar, visto que a usina já tomava conta de grande parte e água já dominava o local. Isso alterou fortemente a vida de muitas famílias.

6-- Qual é a situação real do Brasil em recursos minerais ?
O Brasil possui por volta de 60 recursos minerais e é também um dos mais ricos, tendo uma das maiores reservas do mundo. Estima-se que de 8% a 9% de todo o ferro mundial esteja localizado no Brasil.

7-Quais são os principais problemas enfrentados no Brasil em relação aos recursos minerais?
A falta de recursos no quesito tecnologia e o não seguimento das leis muitas vezes impostas para a exploração das jazidas acabam por danificar muito o solo e degradar o mesmo. É pela forma indevida de exploração também que acaba por perder muitos recursos e fazer com se enfrente diversos problemas.

8- Faça uma síntese do vídeo em relação :
a)Extração mineral e o meio ambiente.
b)Mercado ilegal dos diamantes.
A exploração de minérios levam sempre a um ponto onde até mesmo áreas restritas/proibidas sejam desmatadas, índios sejam expulsos de seus habitats, regras e leis sejam quebradas, rios e lagos poluídos só para que se consiga o objetivo. Apesar de que os recursos minerais estejam fortemente envolvidos com a economia brasileira eles geram muitos riscos para o ambiente em geral. As principais reservas brasileiras estão em Minas Gerais e Para, no Quadrilátero Ferrífero e Província de Carajás. Há um alto índice de comércio ilegal de diamantes no Brasil pelo simples fato de ser um minério difícil de ser encontrado e ter alto valor comercial. Atos ilegais que aparentemente conseguem driblar os federais são muito comuns para que esse tipo de comércio seja feito, fazendo com que compradores de vendedores passem por situações extremas.

Anônimo disse...

1- O Projeto Carajás, oficialmente conhecido como Programa Grande Carajás (PGC), é um projeto de exploração mineral, iniciado em 1980, na mais rica área mineral do planeta, pela Vale (antiga CVRD). Estende-se por 900 mil km², numa área que corresponde a um décimo do território brasileiro, e que é cortada pelos rios Xingu, Tocantins e Araguaia, e engloba terras do sudeste do Pará, norte de Tocantins e sudoeste do Maranhão. Foi criado pela então empresa estatal brasileira Companhia Vale do Rio Doce, durante o governo Figueiredo, quando Eliezer Batista era presidente da Vale.
2-A maior parte da produção, tanto do Quadrilátero Ferrífero quanto da Serra dos Carajás, é exportada para os Estados Unidos, Japão e União Europeia.
3- - Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) – dessa jazida saem cerca de 60% do ferro e 40% do ouro extraídos no Brasil, além do manganês.
- Província Mineral de Carajás (Pará) – são encontrados, além de ferro, ouro, prata, níquel, cromo, manganês, cobre, bauxita, zinco, estanho e tungstênio.
4- Ferro, ouro, prata, níquel, bauxita, cromo, manganês, cobre, zinco, tungstênio e estanho.
5- A construção da usina de Tucuruí (PA) na Amazônia, na década de 1970 causou o desalojamento de inúmeras comunidades, inundou grandes extensões de terra e destruiu a fauna e a flora da região. Quase dez mil famílias ficaram sem suas terras, entre elas indígenas e ribeirinhos.
6- O Brasil é um dos principais produtores e exportadores de minérios
7- O principal problema é a falta de capital, que tem levado cada vez mais à participação de outros grupos estrangeiros.
8-
a) A extração dos recursos minerais leva ao desmatamento ambiental e social. Para a extração é necessário a desmatação de árvores e plantas. É um processo de degradação. A invasão as terras indígenas é muito comum e a invasão de terras particulares também.
b) Grandes mineradoras controlam o preço dos minérios, assim como no caso mostrado no filme o preço do diamante é controlado por grande grupos. Outro fator é o mercado ilegal de diamantes que movimenta muito dinheiro. Sonegando impostos, e muitas vezes com peças roubadas.

Carolina Rocha - 06
9ºB

Anônimo disse...

Muito bom,falou sobre os impactos ambientais relacionados com a extração de hematita,bauxita,argila,granito,mármore,calcário,areia quartzosa,etc,pois desmatou aproximadamente 3.007 km²,e eu, particularmente, acho isso essencial.

Obrigada.


Aluna do 6ºA

Katharina Cândido disse...

Nossa!!!Esse blog,essepost foi ótimo...douuma aluna do 7º ano onde precisavámos encontrar e saber de algumas coisas sobre minerais e esse post me ajudou mtttt!Muito obg!

Bryant Rosado Silva disse...

Muito bom!
Estou fazendo um trabalho sobre a importância da mineração para minas e Brasil e achei tudo e mais um pouco!