domingo, 6 de maio de 2012

SANTA CATARINA - GEOLOGIA

GEOLOGIA

É a ciência que estuda a origem, a formação, a estrutura e a composição da crosta terrestre, além das alterações sofridas por ela no decorrer do tempo. (fonte: agentesexternosintemperismo.com)
ÁREA DE ESTUDO DA GEOLOGIA- INTEMPERISMO FÍSICO.



A geologia de Santa Catarina pode ser classificada em cinco grandes domínios: 
Embasamento Cristalino; 
Coberturas Vulcano-Sedimentares Eo-Paleozoicas; 
Cobertura Sedimentar Gonduânica; 
Rochas Efusivas (Formação Serra Geral);  
Cobertura Sedimentar Quaternária.


I- Embasamento Cristalino: Engloba as rochas mais antigas do Estado de Santa Catarina, cujas idades vão desde o Arqueano( mais de 2,5 bilhões de anos) até o final do Proterozoico( cerca de 570 milhões de anos).
As principais associações são constituídas de granulitos; gnaisses e migmatitos; xistos e filitos; e granitos.
Granulitos - ocorrem Nordeste do Estado.
Gnaisses e Migmatitos- ocorrem na porção Sudeste do Estado.
Xistos e Filitos- Localizam -se na porção centro- leste do Estado, na região de Brusque, Itajaí e em outros locais.
Granitos- Distribuem-se em toda parte Leste do Estado, desde Joinville até a região ao sul de Tubarão.
  EMBASAMENTO CRISTALINO  ( Fonte: www.Panoramio.com)

II- Cobertura Vulcano-sedimentares Eo-Paleozoicas: predominantes de rochas sedimentares com metamorfismo incipiente, pouco dobradas, representadas por: arenitos, conglomerados, siltitos, ardósias e filitos, com frequente associação de rochas vulcânicas extrusivas. Ocorrem principalmente em quatro bacias isoladas, nas regiões de Campo Alegre, Corupá, Itajaí, Queçaba, Cambirela e Ilha de Santa Catarina.

Fonte: asvoltasaomundo.blogspot.com
III- Cobertura Sedimentar Gonduânica: A partir da sedimentação gonduânica com a deposição de argilitos, diamictitos,  arenitos finos, siltitos, folhelhos e aglomerados do Grupo Itararé, em ambiente marinho ou glacial.Tendo início no Permiano Médio, depois recebendo outras deposições até o Mesozoico com sedimentos representados por argilitos, siltitos e arenitos conglomerados  em ambiente fluvial.Posteriormente, ocorreu a deposição dos arenitos, em ambiente desértico.
GRUPO ITARARÉ.     Fonte: Panoramio.com

IV- Rochas efusivas (Formação da Serra Geral): são rochas vulcânicas efusivas da bacia do Paraná, representada por uma sucessão de derrames basálticos que cobrem quase 50% da superfície do Estado. Temos duas sequências, a básica predominante nos níveis inferiores e representadas por basaltos e fenobasaltos e a sequência ácida com direção ao topo do pacote vulcânico representadas por riolitos, diodacítos e dacitos.







  SERRA GERAL   Foto de Filipe Ronchi e escalador sapo
Site: http://www.sapoagarras.com/

V- Cobertura Sedimentar do Quaternário: constituídas por depósitos inconsolidados de areias, de siltes, argilas ou aglomerados, ao longo da planície costeira e nos vales principais dos cursos d'água. Podem ser classificados como depósitos marinhos, aluvionares, lacunares, eólicos e coluvionares.

DEPÓSITOS EÓLICOS. Fonte : vivienturismo.blogspt.com
bventura70.blogspot.com
Fonte : Atlas Escolar de Santa Catarina/ Governo do Estado de Santa Catarina
imagens: Google.com
Adaptado por: Geo Conceição

3 comentários:

Leonel Camasão disse...

Acabei de ver a reportagem na RIC-Record. Não conhecia o blog, mas parabéns pelo trabalho.
abraços

Veronyca disse...

Olá!
Sou estudante de Biologia da UFSC e estou tendo de fazer um trabalho sobre a Geologia de SC.
Achei este site e o considero uma referência muuito boa! (ainda mais para gente, como eu, que está sendo iniciada nesta ciência).

Parabéns pelo trabalho, está fantástico!

força forte disse...

Trabalho muito bom, pois faz uma síntese da complexa geologia do Estado. Senti, todavia, falta de ferramenta para ampliar o mapa elaborado. As letras são muito pequeninas e dificulta a consulta.